Com faixa e rojão, Bolsonaro comemora aniversário do golpe de 64

O deputado federal postou no seu Twitter uma foto em frente à Esplanada dos Ministérios em que saúda as Forças Armadas: "Parabéns militares. Graças a vocês o Brasil não é Cuba".

7277 0

O deputado federal postou no seu Twitter uma foto em frente à Esplanada dos Ministérios em que saúda as Forças Armadas: “Parabéns militares. Graças a vocês o Brasil não é Cuba”

Por Redação 

Enquanto dezenas de políticos e sociedade civil buscam, nesta terça-feira (31), homenagear as vítimas da ditadura militar, o deputado federal Jair Bolsonaro (PP) exalta os 51 anos do golpe. Em sua conta no Twitter, o militar da reserva postou algumas fotos de um ato que realizou em frente à Esplanada dos Ministérios, em Brasília, em homenagem às Forças Armadas.

Bolsonaro, nas fotos, está acompanhado de colegas e outros parlamentares, como o seu filho, o deputado estadual Eduardo Bolsonaro.

No ano passado, quando o golpe que culminou no regime militar completou 50 anos, Bolsonaro havia feito uma manifestação semelhante.

Foto: Reprodução/Twitter









Golpe 16 - O livro da blogosfera em defesa da democracia

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.





No artigo

Comentários