Dupla sertaneja cria polêmica com a música “Vou jogar na internet”; assista ao vídeo

Os cantores Max e Mariano receberam uma enxurrada de críticas, após lançarem clipe com apologia ao ‘revenge porn’, ou seja, a divulgação de imagens íntimas de alguém por motivos de vingança; assista ao vídeo.

1365 0

Os cantores Max e Mariano receberam uma enxurrada de críticas, após lançarem clipe com apologia ao ‘revenge porn’, ou seja, a divulgação de imagens íntimas de alguém por motivos de vingança

Por Maíra Streit

max2
max
Reprodução/Facebook

Os cantores sertanejos Max e Mariano se tornaram conhecidos do grande público em poucas horas por uma polêmica envolvendo o mais novo clipe da dupla, lançado na segunda-feira (6). A música “Eu Vou Jogar na Internet” gerou revolta por fazer apologia ao revenge porn, ou seja, a divulgação de imagens íntimas de alguém por motivos de vingança.

O clipe mostra a reação do ex-namorado que espalha nas redes sociais um vídeo de uma mulher, com cunho sexual. Tudo é feito sem o consentimento dela, que acaba tendo que lidar com as consequências dessa exposição. “E sem que você percebesse / Eu gravei de nós dois um vídeo de amor / Eu vou jogar na internet / Nem que você me processe”, diz um trecho da música.

A maioria dos comentários dos internautas criticou a letra da canção. “Mulheres se suicidam por causa disso”, alertou um deles. “O fim de uma carreira que não começou”, disse outro. O repúdio à faixa fez com que os cantores retirassem o material do ar em sua página do facebook, canal de vídeos e site oficial.

O senador Romário (PSB-RJ), que é autor do de projeto de lei que tipifica o revenge porn como crime, se manifestou sobre o episódio. “Isso não é brincadeira. As consequências para as vítimas são gravíssimas. A integridade física, moral e psicológica das vítimas são abaladas depois de terem a vida íntima exposta desta forma”, declarou. A proposta apresentada pelo senador prevê pena de até três anos de detenção, além de indenização à vítima.

Procurada pela Fórum, a assessoria da dupla Max e Mariano afirmou que não esperava uma repercussão tão negativa. A alegação é de que a música foi mal interpretada, pois, na verdade, a intenção dos artistas era fazer um alerta para que as mulheres não caiam em situações como essa.

Assista:

Foto de capa: Divulgação


Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum e recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa e ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa, ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses e 1 camiseta personalizada após 1 ano.





Golpe 16 - O livro da blogosfera em defesa da democracia

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.





No artigo

Comentários