Ninguém além do Brasil repetiu milagre de tirar 22 milhões da pobreza, diz Bauman

Em entrevista ao programa Observatório da Imprensa, da TV Brasil, sociólogo polonês de 89 anos afirmou que o Brasil é um “milagre inacabado”: “Vocês estão no caminho certo e eu espero de todo o meu coração que vocês cheguem lá” Por Redação*...

9646 0

Em entrevista ao programa Observatório da Imprensa, da TV Brasil, sociólogo polonês de 89 anos afirmou que o Brasil é um “milagre inacabado”: “Vocês estão no caminho certo e eu espero de todo o meu coração que vocês cheguem lá”

Por Redação*

bauman-observatorio-da-imprensa

Para o sociólogo polonês Zygmunt Bauman, de 89 anos, um dos mais respeitados intelectuais da atualidade, o Brasil é um “milagre inacabado”. Em entrevista a Alberto Dines, no programa Observatório da Imprensa, da TV Brasil, o pensador afirmou que o país está no caminho certo em relação ao combate às desigualdades, mas que, neste momento, alguns problemas estão aparecendo.

“Vocês estão no caminho certo e eu espero de todo o meu coração que vocês cheguem lá. Eu apenas direi que os representantes de 66 governos do mundo vieram para o Rio de Janeiro para se consultarem, para aprenderem sobre a experiência de retirar 22 milhões de pessoas da pobreza. Ninguém mais repetiu esse milagre, só o Brasil. Desejo que continuem isso, mas também agora algumas deficiências estão vindo à tona”, disse.

Bauman esteve em setembro no Brasil para participar de alguns eventos. Entre seus 35 livros publicados por aqui, um dos mais conhecidos é Amor líquido, em que analisa as relações nos tempos modernos. Na avaliação do polonês, elas se tornaram mais flexíveis, o que faz com que as pessoas não saibam mais como manter laços de longa duração, e muitas vezes acabem se relacionando apenas no ambiente virtual.

Confira, abaixo, a íntegra da entrevista:

*Com informações do Brasil Post

(Foto: Reprodução/Youtube)

No artigo

Comentários