Jada Pinkett Smith e Spike Lee anunciam boicote ao Oscar por conta da ausência de atores negros entre os indicados

"Não sabemos atuar?", questionou o diretor de filmes como Faça a Coisa Certa e Malcolm X. "As pessoas nos tratarão da forma que nós permitimos", disse a atriz no Twitter

198 0

“Não sabemos atuar?”, questionou o diretor de filmes como Faça a Coisa Certa e Malcolm X. “As pessoas nos tratarão da forma que nós permitimos”, disse a atriz no Twitter

Por Redação

800px-Spike_Lee_(2012)

O diretor de cinema Spike Lee vai boicotar a cerimônia de entrega do Oscar 2016 em protesto contra a ausência de atores negros na lista pelo segundo ano consecutivo. Em seu perfil no Instagram, Lee agradeceu a entrega de um Oscar honorário por seu trabalho, feita em 2015, mas disse que não vai assistir ao prêmio neste ano.

“Gostaria de agradecer ao presidente, Cheryl Boone Isaacs, e ao conselho da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas por me conceder o Oscar honorário em novembro”, escreveu o diretor de filmes como Faça a Coisa Certa e Malcolm X. “Contudo, minha esposa,  Tonya Lewis Lee, e eu não assistiremos à cerimônia do Oscar em fevereiro. Não podemos apoiar este ato, com todo o respeito por meus amigos, o apresentador de gala, Chris Rock, o produtor Reggie Hudlin, o presidente Isaacs e a Academia. Mas como é possível pelo segundo ano consecutivo os 20 candidatos na categoria de atores e atrizes serem brancos? E melhor não observarmos outras categorias. 40 atores brancos em dois anos e nada de negros? Não sabemos atuar? WTF!!.”

No sábado, (16), a atriz Jada Pinkett Smith (da série Gotham e O Professor Aloprado) sugeriu um boicote à premiação. “No Oscar… os negros são sempre bem vindos para entregar prêmios…, inclusive para dar espetáculos”, escreveu Pinkett Smith. “Mas raramente se reconhecem seus méritos artísticos. Os negros deveriam se negar a assistir? As pessoas nos tratarão da forma que nós permitimos. Com todo respeito, sinto uma profunda decepção.”

Em um vídeo postado no Facebook, a atriz também abordou o assunto. “Implorar reconhecimento, ou até pedir, diminui a nossa dignidade, diminui o nosso poder e nós somos um povo digno e poderoso”, disse. No Twitter, diversos usuários manifestaram sua indignação com a hashtag #Oscarssowhite.

We must stand in our power!We must stand in our power.

Publicado por Jada Pinkett Smith em Segunda, 18 de janeiro de 2016

*Com informações de El Diario. Fotomontagem com fotografias de José Cruz/ABr e Reprodução

Golpe 16 - O livro da blogosfera em defesa da democracia

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.

Compre agora e receba em seu endereço!



No artigo

Comentários