Lula diz que ‘Veja’ anuncia sua queda há 37 anos

Página do ex-presidente no Facebook lembra que, em 1979, "Raul Seixas lançava seu nono disco, Por Quem Os Sinos Dobram. Nos cinemas, Sylvester Stallone estrelava a sequência de Rocky. A nave Voyager, que já deixou o sistema solar, passava por Jupiter. Os Estados Unidos...

117 0

Página do ex-presidente no Facebook lembra que, em 1979, “Raul Seixas lançava seu nono disco, Por Quem Os Sinos Dobram. Nos cinemas, Sylvester Stallone estrelava a sequência de Rocky. A nave Voyager, que já deixou o sistema solar, passava por Jupiter. Os Estados Unidos e a China estabeleciam relações diplomáticas”, “E a revista VEJA anunciava, pela primeira vez, a ‘queda de Lula'”

Por Brasil 247

lula veja

Há 37 anos a revista Veja espera a “queda de Lula”. É o que lembra um post deste sábado 23 na página do ex-presidente no Facebook, que traz uma capa de 1979 da revista, com o título: “Greve, impasse e a queda de Lula: Confronto no ABC”.

O texto lembra diversos acontecimentos importantes daquele ano: “Raul Seixas lançava seu nono disco, Por Quem Os Sinos Dobram. Nos cinemas, Sylvester Stallone estrelava a sequência de Rocky. A nave Voyager, que já deixou o sistema solar, passava por Jupiter. Os Estados Unidos e a China estabeleciam relações diplomáticas”.

E completa: “E a revista VEJA anunciava, pela primeira vez, a ‘queda de Lula'”. Junto com a imagem da capa, há a mensagem: “37 anos esperando… pela queda de Lula”. A publicação foi uma ironia à capa deste fim de semana, de título: “A hora da verdade”.

A reportagem traz a informação de que o promotor Cassio Conserino teria “indícios suficientes para denunciar” o ex-presidente pelo crime de ocultação de patrimônio por um apartamento que sequer pertence a Lula e à sua esposa, Marisa Letícia.

O Instituto Lula afirmou em resposta que o promotor “violou a lei e o bom senso” ao anunciar a denúncia antes de comunicá-lo e informou que mais uma vez processará a revista Veja.

Foto de capa: Reprodução/Facebook

O livro da blogosfera em defesa da democracia - Golpe 16

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.



No artigo

Comentários