Bolsonaro é alvo de ‘purpurinaço’ em Porto Alegre

O deputado federal foi alvo de um protesto de grupos ligados à causa LGBT durante uma cerimônia na Assembleia Legislativa Gaúcha; assista

824 0

O deputado federal foi alvo de um protesto de grupos ligados à causa LGBT durante uma cerimônia na Assembleia Legislativa Gaúcha; assista

Por Redação

bolson

O deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) foi alvo de um protesto de grupos ligados à causa LGBT na tarde desta terça-feira (26) em Porto Alegre (RS). Ele participava de uma cerimônia que o homenageava na Assembleia Legislativa gaúcha e foi surpreendido com a presença de dezenas de manifestantes que, entre gritos de ordem contra a homofobia, promoveram um ‘beijaço’. Pouco depois, quando o parlamentar concedia uma entrevista, jovens do Levante Popular da Juventude o encobriram com purpurina.

De acordo com os manifestantes, o intuito do protesto foi o de “evidenciar a transfobia, a LGBTfobia, o machismo e o racismo de Bolsonaro”, bem como colocar em pauta o Dia da Visibilidade Trans, comemorado em 29 de janeiro.

Levante e Brilhe contra a transfobia!!!!Jogamos glitter no Bolsonaro!!!!Fora transfobia!!!#BrilhoSimBolsoNão #PurpurinaNoBolsonaro

Posted by Levante Popular da Juventude on Tuesday, 26 January 2016

Além do ‘porpurinaço’, manifestantes contam que sofreram agressões durante o ato que ocorreu no interior da Assembleia. Reportagem do portal Sul 21 relata que “um participante do ato pró-Bolsonaro agrediu uma das manifestantes que logo foi socorrida por seus companheiros” e que a briga gerou uma “pancadaria”, vitimando até mesmo jornalistas que acompanhavam a cerimônia.

 

 

No artigo

Comentários