Hashtag #SouFeministaPq movimenta redes sociais para lembrar importância do feminismo

Violência, discriminação e assédio são alguns dos motivos levantados pelas internautas para justificar a luta em prol do feminismo; confira os principais tuítes.

1083 0

Violência, discriminação e assédio são alguns dos motivos levantados pelas internautas para justificar a luta em prol do feminismo; confira os principais tuítes

Por Redação

feminista - capa

As páginas Não Me Kahlo e Monas criaram, neste domingo (21), a hashtag #SouFeministaPq para lançar nas redes sociais a discussão sobre o machismo e as violências cotidianas a que as mulheres são submetidas. Casos de discriminação e assédio foram alguns dos relatos feitos pelas internautas para justificar sua luta em prol do feminismo. A campanha está entre os assuntos mais comentados do Twitter. Confira abaixo as publicações.

feminista4

feminista3

feminista2

feminista

 

 

O livro da blogosfera em defesa da democracia - Golpe 16

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.



No artigo

Comentários