Juiz que perguntou a vítima de estupro por que ela “não juntou os joelhos” deixa o cargo

Ele ainda se referiu à jovem diversas vezes como "a acusada" e disse que "dor e sexo às vezes vão juntos".

2623 1

Ele ainda se referiu à jovem diversas vezes como “a acusada” e disse que “dor e sexo às vezes vão juntos”

Por Redação

camp

Robin Camp renunciou ao cargo nesta quinta-feira (10) após uma análise do Conselho Judicial do Canadá concluir que a atitude dele prejudicou seriamente a confiança da população no Judiciário.

Em 2014, o magistrado perguntou a uma vítima de estupro “por que você não pôde simplesmente manter seus joelhos juntos?”. Com a repercussão negativa do caso, ele pediu demissão e a ministra federal da Justiça, Jody Wilson-Raybould, aceitou sua renúncia.

A fala infeliz foi feita quando Camp conduzia o julgamento de Scott Wagar, acusado de estuprar uma mulher de 19 anos sobre a pia de um banheiro durante uma festa na cidade de Calgary.

Além de diversas vezes se referir à jovem como “a acusada”, ele ainda questionou “por que você não abaixou o traseiro no bidê para ele não conseguir te penetrar?”, e também disse “dor e sexo às vezes vão juntos”.

Camp absolveu Wagar, mas a decisão foi anulada em recurso. Wagar, contudo, foi absolvido em janeiro após um segundo julgamento.

De acordo com o Conselho, as declarações do magistrado foram “tão profundamente destrutivas no que tange o conceito de imparcialidade, integridade e independência do papel judicial que a confiança pública tornou-se suficientemente minada a ponto de o juiz ser incapaz de executar o trabalho judicial”.

Com informações do jornal O Globo
Foto: Reprodução / Corte Federal do Canadá


Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum e recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa e ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa, ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses e 1 camiseta personalizada após 1 ano.





Golpe 16 - O livro da blogosfera em defesa da democracia

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.





No artigo

Comentários

1 comment

  1. Rosemeire Pontes Responder

    Ah se fosse no Brasil ele seria promovido ao STF pelo governo atual