Moro recebe milhares de comentários negativos ao agradecer manifestações no Facebook

A maioria deles cobra a sua falta de imparcialidade, mas muitos fazem ironias com o depoimento do senador Aécio Neves coberto com tarjas pretas e até a famosa foto do juiz de sorrisos ao lado de Aécio são vistas ao longo de toda a...

2051 1

A maioria deles cobra a sua falta de imparcialidade, mas muitos fazem ironias com o depoimento do senador Aécio Neves coberto com tarjas pretas e até a famosa foto do juiz de sorrisos ao lado de Aécio são vistas ao longo de toda a postagem.

Da Redação

Moro0

O juiz Sérgio Moro recebeu uma enxurrada de reações negativas ao agradecer, em vídeo no Facebook, “manifestações de carinho” na página “Eu Moro com ele”, criada há um ano por sua esposa no Facebook.

Moro1

A qualquer momento que se olhe a postagem, a quantidade de comentários negativos é sempre muito maior. A maioria deles cobra a sua falta de imparcialidade, mas muitos fazem ironias com o depoimento do senador Aécio Neves coberto com tarjas pretas e até a famosa foto do juiz de sorrisos ao lado de Aécio são vistas ao longo de toda a postagem.

Moro4

A quantidade de comentários negativos parece contrastar, em muito, com a última frase do juiz no vídeo: “Sabendo que nós contávamos com o apoio da grande maioria, talvez a totalidade da população”.

Moro3

Veja a postagem aqui.

 


Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum e recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa e ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa, ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses e 1 camiseta personalizada após 1 ano.





Golpe 16 - O livro da blogosfera em defesa da democracia

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.





No artigo

Comentários

1 comment

  1. valzinha Responder

    Eu não sei o que é pior. Morar com ele ou saber que ele não passou na OAB e desconhecer que pela legislação brasileira, a atividade jornalística não exige formação específica – a jurisprudência sobre o tema no STF e no STJ é farta.
    uahuahuah