A Federação em frangalhos ou… NOVOS TEMPOS, NOVOS NOMES

Há décadas, publiquei no Pasquim – com o título acima – um mapa do Brasil, em que “dei” aos estados nomes mais apropriados. Não tinha sentido manter nomes que soavam fictícios nos estados e territórios, que estavam todos com a corda no pescoço....

Há décadas, publiquei no Pasquim – com o título acima – um mapa do Brasil, em que “dei” aos estados nomes mais apropriados.

Não tinha sentido manter nomes que soavam fictícios nos estados e territórios, que estavam todos com a corda no pescoço. E não tinha porque, também, diferenciar os estados dos territórios e do distrito federal: todos estavam na mesma pindaíba e, por isso, deveriam ficar na mesma condição de “estados da federação”. Daí a proposta de nomes mais realistas e condizentes com a realidade nacional.

Bom, territórios federais (administrados por alguém nomeado pelo governo federal, sem assembleia legislativa) não existem mais: Amapá, Rondônia e Roraima viraram estados também, e Fernando de Noronha foi anexado a Pernambuco.

Agora, o que se vê é uma choradeira geral, como naquela época, e a notícia de falta de grana até para pagar salários dos funcionários. Os governadores procuraram, inclusive, ajudar o governo federal a forçar o Congresso a aprovar uma lei para repatriação de dinheiro ilegal depositado no exterior, cobrando impostos e multa, e parte dessa grana deve ir para os cofres vazios dos governos estaduais.

Pensei: aquele mapa vale para os dias de hoje. Então, fiz umas adaptações, incluindo os estados que não existiam na época (Mato Grosso do Sul e Tocantins) e coloquei em todos “nomes mais apropriados”, condizentes com a realidade atual.

Então, aí vai…

RS – Estado de Petição de Miséria

SC – Estado Lastimável

PR – Estado Degradante

SP – Estado Catatônico

MG – Estado Angustiante

RJ –Miséria Estado de Coma

ES – Estado de Dar Dó

BA – Estado de Penúria

SE – Estado Deplorável

AL – Estado Falimentar

PE – Estado de Calamidade

PB – Estado Mórbido

RN – Estado de Indigência

CE – Estado Desalentador

PI – Estado Caquético

MA – Estado Paupérrimo

PA – Estado Desditoso

AP – Estado de Perplexidade

RR – Estado Colérico

AM – Estado de Desespero

AC – Estado Estupefato

RO – Estado Catastrófico

MT – Estado Aflitivo

MS – Estado Insolúvel

GO – Estado Insano

DF – Estado de Putrefação

TO – Estado Desfigurado


Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum e recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa e ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa, ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses e 1 camiseta personalizada após 1 ano.





Golpe 16 - O livro da blogosfera em defesa da democracia

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.




Join the Conversation