Marina diz em debate da Band que Chico Mendes era elite como Guilherme Leal

Marina piscou quando confrontada com a influência que Neca Setúbal e Guilherme Leal exercem ou podem exercer sobre ela.

O primeiro debate presidencial das eleições 2014 na Band foi muito mais movimentado do que o de eleições anteriores. Talvez o fato de existirem três candidatos disputando uma vaga no segundo turno permitiu mais interação entre eles.

Ninguém ganhou e ninguém perdeu.

Aécio, Dilma e Marina Silva defenderam seus programas e suas histórias políticas.

E ninguém se atacou de maneira mais grosseira ou rude.

Foi um debate de bom nível.

A grande escorregadela da noite acabou sendo de Marina Silva, exatamente ela que estava indo bem e entrou no estúdio como a estrela da noite, embalada pela pesquisa Ibope. Ela  se embananou toda numa pergunta de Levy Fidelix, o homem do Aerotrem, que a atropelou falando de Neca Setúbal, do Itaú, e Guilherme Leal, da Natura.

Marina ficou visivelmente irritada e saiu em defesa dos aliados, dizendo que a primeira era educadora o que segundo tem compromisso histórico com a sustentabilidade e o meio ambiente. E que ela não tem problema nenhum com quem é de elite. Que o problema do Brasil não é a sua elite. E ao final, cravou a pior das suas frases. Disse que Chico Mendes também era de elite tanto quanto Guilherme Leal.

Esse foi um dos temas mais debatidos no twitter. Muita gente se indignou com a frase de Marina. No twitter, quem também fez muito sucesso foi Eduardo Jorge, do PV. Ele defendeu a legalização do aborto e das drogas.

Outro momento quente do debate foi quando Aécio e Dilma debateram a Petrobrás. Dilma atacou de Petrobrax e da plataforma que afundou no mar no governo do PSDB e disse que o discurso do tucano era uma leviandade. Aécio devolveu a leviandade pra Dilma, falando que a empresa nunca se viu envolta em tanta corrupção.

O debate serviu para testar hipóteses. Os marqueteiros certamente estavam fazendo pesquisas qualis para verificar em que momento os argumentos dos seus candidatos fizeram mais estrago na campanha dos adversários.

Ninguém ganhou e ninguém perdeu, mas alguém pode ter passado o recibo que a outra campanha vai usar daqui pra frente.

Marina piscou quando confrontada com a influência que Neca Setúbal e Guilherme Leal exercem ou podem exercer sobre ela.

No final do debate, Boris Casoy fez a pergunta mais estapafúrdia. Quis saber o que Eduardo Jorge achava do projeto do controle da mídia E Dilma avançou no tema. Disse que defende a regulação econômica do setor, porque é contra o monopólio. Os irmãos Marinho devem ter se ligado neste momento. E acertado que vale qualquer um para derrotar Dilma.

Na sua fala final, Aécio diz que não dá pra o país nem continuar como está e nem entrar numa aventura, dando a entender que falava da candidatura de Marina. E anunciou que seu ministro da Economia será Armínio Fraga.

Na verdade, Aécio deixou para o final dois anúncios. O nome do ministro da Economia e a forma como vai atacar Marina. Vai dizer que ela é uma aventura.

(Texto atualizado às 19h)

No artigo

23 comments

  1. Andre Responder

    elite, em sua essência, significa liderança, formador de opiniao … foi isso que Marina explicou …

    1. Luís CPPrudente Responder

      A Marina é tão elite quanto a banqueira do Itaú. Ela é tão elite quanto o Aecioporto. Tanto Marina, quanto Aecioporto representam as elites, como sempre reacionárias.

  2. beto martin Responder

    Ora, Marina Silva nao foi honesta ao responder a pergunta sobre Neca Setubal fazer parte da sua equipe. Ela respondeu que Neca é educadora, portanto negando que é banqueira. Quanto a sonegaçao do banco dessa senhora, é na ordem de 18.7 bilhoes. Se fez de surda. Então fica a pergunta: Esse é o bom exemplo que uma educadora dá a seus alunos e que na condição de pessoa pública passa para a sociedade? Marina nesse debate merece Taça de 1° lugar do cinismo e da contradição. Que Deus nos livre dessa mulher.

  3. marcos Responder

    Definição de minoria é definida como parcela subordinada à classe hegemônica; enaltecida, aristocrata. Artifício ineficaz de atribuição ao Chico. ‘Chico” era o rebelde precursor em um embate contra os ruralistas. Se ao menos fosse lembrado em uma data contextual, digna reflexão dialética seria e, patente. Evidente desperdício de energia para desvituar um prognóstico tão certo quanto a morte. Se tivesse o poder de contemplar o prévio estaria vendo Haddad repousando a faixa da O. e Progresso. http://cptnacional.org.br/index.php/noticias/conflitos-no-campo/2204-presidente-de-associacao-rural-e-esposa-sao-mortos-apos-denuncia-contra-pm-s-e-politicos-do-mt

  4. Antônio Padilha Responder

    Quero ver quando a Dilma passar pela Rachel Sheherazade. Essa eu não perco por nada!

  5. DORA Responder

    Achei Marina espetacular… a sua segurança, fala coerente… decidi que vou votar NELA.

  6. maria Responder

    O Aécio mentiu. A Dilma falou em vários momentos do debate o seu projeto, o seu rumo, aliás, a educação como prioridade e o candidato da oposição em seu discurso final disse que a candidata Dilma não havia mostrado o rumo que irá tomar. Não adiantou o discurso bem ensaiado do candidato Aécio. Mentiu.

  7. RickDF Responder

    Desculpe, mas esta descrição da fala de Marina Silva está fora de contexto e resposta dada ao candidato do bigode foi pertinente à forma como a mesma foi formulada.

  8. Cleibsom Carlos Responder

    Marina pode e deve sempre ser questionada por esses “parceiros” que possui. Neca Setúbal e Guilherme Leal não fazem parte do”novo” que a candidata tanto alega representar. A contradição entre o discurso e a realidade é tão óbiva e evidente que Marina não sabe o que responder aos questionamentos sobre o tema!

  9. Hamilton Bezerra Responder

    Na verdade a candidata Marina falou também que a herdeira do Conglomerado fFinanceiro Itaú é uma educadora. A bem da verdade a Professora e Socióloga Maria Alice Setúbal é uma das herdeiras do Itaú sem dúvida, mas isso não apaga seus 30 anos dedicados á Educação, logo é uma Educadora sim. Dona Neca, é autora de mais de dez livros, entre eles o “Terra Paulista”, que em 2005 ganhou o prêmio Jabuti de melhor livro didático do ano. Portando, ela pode até nem estar mais na sala de aula, porém tem uma história e uma vida voltada á esse mister. Quanto ao Chico Mendes, a candidata Marina não se referiu á elite financeira, intelectual ou mesmo elite branca de São Paulo que tanto nosso ex-presidente Lula fala. Elite a qual ela se refere ao Chico Mendes, é a elite de conquistas, de lutas e do legado que com seus feitos ele deixou e que hoje é conhecido no mundo todo. Ele não foi qualquer um, apesar de ter sido um homem do povo pobre, e com nenhuma formação acadêmica, ele galgou conhecimento mundial pelos seus feitos em defesa da Amazonia e da sustentabilidade. Em 1987, recebeu a visita de alguns membros da ONU, em Xapuri no Acre. Em 1989 o ex-beatle, Paul McCartney lança o álbum Flowers in the Dirt, onde homenageia o líder seringueiro brasileiro. Assim, todos esses feitos, e essa relevância na sua luta e nas suas conquistas, mesmo post mortem, Chico Mendes era dessa elite, dessa casta de lideranças. Na verdade, segundo os dicionários, Elite é o que há de melhor numa sociedade ou num grupo. Então dizer ou acusar a “elite” de ser culpada dos males do país, como sempre fala nosso ex-presidente, é incoerente. Super abraço.

  10. Francisco Monteiro Responder

    Eu gostei da ideia de Elite da Marina sim. Ela não falou sobre o que nós entendemos por elite, mas no que ela acredita que deva ser. A elite que ela prega nao eh a exclusiva dos ricos mas a dos bons, dos grandes. Ela nao ta fazendo populismo contra o capital e a favor de classes e sim um pacto entre diferentes classes. Isso sim eh um discurso de união. Sera que na pratica funciona? Talvez não, mas me parece um caminho interessante a seguir.

  11. Maria Costa Responder

    Mariana defendeu sua história política? Chamando Chico Mendes de Elite? E dizendo que falta elite? Que banqueiro é educador? kkk Ela consegue ser mais fraca que Aécio e que Fidelix.

  12. Adelson Responder

    Meu Deus o que é isso? Marina disse que não importa ser elite (rico) o importante e estar todos unidos pelo bem da maioria que sao os menos favorecidos.

  13. Thiago Responder

    Marina enterrou Darcy Ribeiro definitivamente com essa equiparação entre Chico Mendes e Guilherme Leal. É horrível…

  14. Nanda Responder

    Na minha humilde opinião sobre os candidatos, nenhum deles se saiu tão mal, mas também, nenhum deles se destacou com brilhantismo. Estou, categoricamente, contra o PT e a favor dos demais candidatos. Dislumbro no PT, um Governo corrupto e sem chances de avanços. Contudo, a mente de cada um, é seu próprio guia e as escolhas que faremos este ano, irão refletir no Brasil, por quatro anos…

  15. Rosendo Responder

    Dos presidenciáveis, Marina, é seu o meu voto, tenho confiança em vc, bem como entendi quando fez menção das elites, deu nomes, creio que algumas pessoas classificam elites pelo o dinheiro que possui, mas tem outras que não distingue esta pretensão. Elites são aquelas que pensam no bem comum, como: a natureza, pra poucos significa algo de suma importância. Quanto ao Aécio em falar de educação, pra quem não acredita, o mesmo pensamento do Alkcmin em São Paulo que os professores como lixo, também o Hospital de Poços de Caldas o que faz com os indigentes, sei perfeitamente que o sabe, já que foi Governador daquele Estado e Manicômio que acontecia com os corpos dos que ali morrera, também quando foi parado por uma blitz no Rio de Janeiro, no estado deplorável e no volante, quando deram voz de prisão ele o respondeu aos policiais eu sou um Senador da Republica, são estas a visão que tenho e motivos que não me oferece segurança para presetiá-lo com meu voto e credibilidade, no entanto já não tenho idade o suficiente para ficar achando, ok.

  16. roberto Responder

    entendi que quando ela comentou sobre elite se referia como substantivo: O que há de melhor numa sociedade; o escol, a flor, a nata. nesse sentido Chico Mendes é o que havia de melhor na luta pacifica para impedir o desmatamento. Achei boa a comparação…

  17. pedro Responder

    Eu acho que muitos não entenderam o tipo de ” Elite” que ela mencionou. Acho que foi esse o problema. O português do povo ta sofrível.

  18. Ismael Responder

    Não acredito que alguém que trabalha com a língua portuguesa não entenda a linguagem metafórica. Chico Mendes é elite no sentido amplo do valor do ser humano. A candidata, inteligentemente, não estava se referindo a classes sociais.

  19. Valter Júnior Responder

    Só deu Dilma 13

  20. NALDO Responder

    Não precisa de lei para acabar com o monopolio da midia, é só o governo fazer a parte dele afinal é uma concessão por tempo determinado, do jeito que vai parece que é um direito eterno e o pior hereditario, a concessão do homem do bau vai para as filhas como se fosse parte do patrimonio dele e não é, o cidadão morreu ou não quer mais a concessão ela deveria voltar para o governo, mas parece que a dózinha que temos dos nossos megaempresarios impede.

  21. Raquel Viana Responder

    Esse povo da Marina e sua nova política acabou de inventar um novo significado para elite. A pobre e sofrida elite brasileira agradece.

  22. CignusRJ Responder

    Fiquei impressionado com a manipulação de informação que este blog fez.
    Qualquer pessoa de boa vontade e que não queria deturpar o que outros falam entenderam muito bem o que a Marina quis dizer sobre Elite.
    Elite é “O que há de melhor e se valoriza mais (numa sociedade). =FINA FLOR, NATA, O MELHOR”
    Só pense no seguinte, o que é uma “tropa de Elite”? é a tropa formada pelos melhores soldados ou vai dizer que é a minoria da classe mais alta da sociedade???

    Por fim até a viúva do Chico Mendes concorda coma Marina e não ficou ofendida isso só pode ser uma coisa, o PT esta realmente preocupado com a Marina então já começou a política (que o PT é expert em fazer) de destruição da reputação das pessoas.
    Em tempo, ainda não decidi qual candidato votarei.