caminhão a caminho

um caminhão cheio de preconceito, desinformação tóxica e xenofobia corre desgovernadamente pela europa. ainda esse mês ele fez uma breve parada na estação de metrô em berlin, onde uma mulher foi brutalmente atacada pelas costas. na...

um caminhão cheio de preconceito, desinformação tóxica e xenofobia corre desgovernadamente pela europa.

ainda esse mês ele fez uma breve parada na estação de metrô em berlin, onde uma mulher foi brutalmente atacada pelas costas.

na imagem do circuito interno, percebe-se três homens se aproximarem dela, um deles lhe dá um covarde chute pelas costas, a moça cai escada abaixo.

na alemanha começou a histeria: só podem ser refugiados que odeiam o estilo de vida alemão e são contra a liberdade; árabes, terroristas, demônios!

só que não.

os covardes eram encachaçados jovens búlgaros (vídeo aqui http://migre.me/)

mas o caminhão da desinformação segue seu caminho.

lembre-se que na virada do ano houve enorme histeria sobre uma suposta agressão em massa ocorrida na famosa estação de trem em colônia.

uma horda de quase mil homens, essa era a narrativa alemã, roubaram, agrediram e estupraram centenas de mulheres.

são os refugiados de merkel, gritaram os midiotas intoxicados.

o crime foi cometido por gangues de homens árabes ou do norte da áfrica, destacavam todos os jornais.

instantaneamente, alemães partiram pra cima e passaram a espancar os miseráveis refugiados sírios em seus abrigos.

malditos midiotas.

no final das contas, após inquéritos e mais inquéritos, havia entre os 58 acusados(!), três alemães e três refugiados.

os outros 55 eram estrangeiros que viviam há anos na alemanha.

e os crimes cometidos foram de furto em sua grande maioria. mas os intoxicadores venderam como estupro coletivo.

veja que coisa.

e o caminhão do simulacro segue a sua caminhada.

em nice, julho deste ano, um caminhão atropelou e matou mais de oitenta pessoas.

os intoxicadores criaram uma narrativa espetacular para o episódio.

disseram que o assassino dirigiu em zigue-zague por 2km, veja que curioso, atropelando pessoas e dando tiros pela janela.

agora, amigão. desça aí desse caminhão da desinformação e pense:

um motorista amador, fazendo zigue-zague num caminhão de 25 toneladas, dirigindo com a mão esquerda e, com a direita, atirando nas pessoas à sua frente.

se você for um midiota certamente achará isso plausível.

já com o motorista imobilizado e desarmado, os policiais meteram bala no caminhão.

veja que os desastrados homens da lei acertaram o para-choque, o para-lamas e nenhum um mísero tiro onde fica o motorista (veja a foto).

encontraram na boleia granadas falsas e umas armas de brinquedo e, agora vem a cereja do bolo, documentos de identidade do assassino.

um franco-tunisiano de nome mohammed bouhlel, por sinal um nome genérico e muito comum na tunísia

ah, documentos, sempre eles?

os caras que meteram bala nos cartunistas do charlie hebdo também haviam esquecido os documentos no interior de um veículo, lembra?

nunca se esqueça que o passaporte do terrorista que pilotava o avião que se espatifou lá nos esteites, no 11 de setembro, também foi encontrado nos escombros!

o que você me diz?

e nunca é demais lembrar, os caras que atacaram a boate bataclan se explodiram, mas seus passaportes permaneceram intactos na cena do crime, à espera dos homens da lei.

imagina o terrorista saindo de casa e a mãe falando: vai aonde, filho? vou me explodir, mamãe. olha, não esqueça de levar um casaquinho e um passaporte sírio.

quem planta esses passaportes mágicos?

pois num é que acharam os documentos do cabra que atropelou 12 pessoas essa semana em berlin?

primeiro prenderam um refugiado paquistanês, claro.

não conseguiram colocar o cabra na cena do crime e o liberaram.

aí alguém gritou: capitão, olha. o assassino deixou a identidade aqui debaixo do banco.

com mil diabos!

e, como na frança, esse desastrado também é um tunisiano.

ele fugiu, mas deixou lá os documentos para facilitar o trabalho da polícia.

embora os policiais alemães parecem ser melhores de mira que os colegas franceses, o assassino saiu ileso.

ficou, morto, apenas o motorista.

que é um… polonês!

agora, as autoridades policiais, políticas e midiáticas precisam de um tempo para construir uma narrativa.

se usou um caminhão só pode ser um terrorista ligado ao estado islâmico, dizem.

fuleiragem, os palestinos já fizeram isso em pelo menos cinco oportunidades, jogando carros contra os sionistas israelenses.

em 2013, dois nigerianos atropelaram um soldado inglês e o esfaquearam.

nada disso tem a ver com o tal estado islâmico.

nada leva a crer que o cabra de nice, e esse agora de berlin, tinha algo a ver com o daesh.

por que diabos que ao invés de passaportes esses terroristas de araque não levam consigo uma bandeira do daesh, para fazer propaganda?

porque eles nada tem a ver com o daesh.

eram apenas jovens pobres e humilhados que, loucos, cometeram essas condenáveis atrocidades.

mas ligá-los ao daesh é só intoxicação.

e ligar muçulmanos ao daesh é desinformação pura e maldosa.

o daesh é formado por uma horda de mercenários de pelo menos 29 países mundo afora.

gente que se juntou ao grupo por grana e violência. a grana vem da do catar e da arábia saudita, dos amiguinhos de obama e killary.

as armas são jogadas de aviões pela cia.

erdogan dá uma força comprando petróleo barato.

e os muçulmanos, quem tem ouvidos para ouvir que ouça, são as maiores vítimas do daesh!

o cabra de 22 anos que matou o embaixador russo, em ankara, falou em árabe e gritou allahu akbar.

mas, estranhamente, ninguém o ligou ao daesh.

simplesmente porque o defunto não é da otan.

a mídia ocidental faz propaganda para o daesh porque sabe que o medo – e o inimigo único – é uma forma segura de manter as pessoas sobre controle.

e questionar os outros é a melhor forma de não questionar a si mesmo.

palavra da salvação.
europe-attacks_niceglobo berlin-atentado-caminhao_7b70ece0


Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum e recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa e ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses.




Você ganha descontos em livros e produtos do programa Sócio Fórum, recebe a cada 3 meses um livro das Edições Fórum na sua casa, ganha 1 caneca personalizada da Fórum após 6 meses e 1 camiseta personalizada após 1 ano.





Golpe 16 - O livro da blogosfera em defesa da democracia

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.




Join the Conversation