‘Não pague para ver. O que o povo já tem é pouco. Quem tem muito a perder é você.’

SALVE GERAL (M.A.M.)* Oi, aqui é o povo. Todo mundo acha que sabe como a gente é. Retratam a gente na novela, no jornal, na internet… Acham que a gente, porque é pobre, é burro. Não pensa, não entende como o mundo é. Da gente...

SALVE GERAL
(M.A.M.)*

Oi, aqui é o povo.
Todo mundo acha que sabe como a gente é.
Retratam a gente na novela, no jornal, na internet…
Acham que a gente, porque é pobre, é burro.
Não pensa, não entende como o mundo é.
Da gente tem especialista, cientista, estudo e estatística.
Dizem até que somos cordiais, quando guardados à distância.
O que pouca gente vê é que nós, povo, temos tudo o que você tem, menos o dinheiro.
Temos alma, temos corpo, temos sentimento…
Tomamos banho e café todo dia, como você.
Falamos a mesma língua e comemos da mesma comida que, quase sempre, é a gente que faz pra você.
A gente limpa, lava e passa, entende de obra e manutenção.
A gente faz rima, faz verso, faz até música que te põe pra dançar.
Mas não é porque a gente é humilde que a gente é bobo não.
Quem madruga, mora longe e trabalha pesado sabe que, se cruzar os braços, nosso país vai parar.
A gente ouve desmonte disso, desmonte daquilo…
Reforma aqui e acolá.
E é tudo para tirar nosso direito!
Vantagem todo mundo quer levar.
Desde que o mundo é mundo é assim.
Mas a pergunta que a gente faz é simples: quem no meio dessa gente poderosa olha pra nós?
É por isso que não dá para esticar demais a corda, brou.
Porque se o caldo entornar fica pior para todo mundo.
E a gente tá em vantagem, porque o pior a gente já conhece desde pequeno.
E aprendeu a se virar.
Não vai esquecer que até o mecânico do seu avião cresceu com a gente.
Diante deste salve geral posso te dar um conselho?
Não pague para ver.
O que o povo já tem é pouco.
Quem tem muito a perder é você.

*Marco Aurelio Mello









Golpe 16 - O livro da blogosfera em defesa da democracia

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.




Comentários