Segunda Tela

18 de outubro de 2016, 19h27

Betty Faria defende legalização da maconha: “Fumei muito e nunca tive problema de memória”

“Fumei muita maconha e nunca tive problema de memória e minhas colegas, que tomam remédio para dormir, na hora de gravar não sabem o texto”, disse a atriz Betty Faria, de 75 anos, em uma entrevista que viralizou nas redes. Assista

Por Redação

Em entrevista ao “Programa com Bial”, do canal GNT, apresentado por Pedro Bial, a atriz Betty Faria, de 75 anos, admitiu que fumou muita maconha e que não nunca sentiu efeitos negativos pelo uso.

“Eu gosto de maconha, acho que não tem efeito nenhum. É uma mentira dizer que mexe com memória, porque eu fumei muita maconha e nunca tive problema de memória e minhas colegas que tomam remédio para dormir na hora de gravar não sabem o texto”, comentou.

A atriz defendeu a legalização, disse que o “Brasil é hipócrita” e que maconha não vicia.

“Maconha não vicia, o que vicia é Malboro Vermelho”, afirmou.

Veja o vídeo: