UNE quer participação da sociedade na reforma política

Estudantes reunidos no 50º Congresso pedem ainda democratização dos meios de comunicação

173 1

Estudantes reunidos no 50º Congresso pedem ainda democratização dos meios de comunicação

Por Redação

No primeiro dia de debates do 50º Congresso da União Nacional dos Estudantes (UNE), o projeto de reforma política em votação na Câmara dos Deputados foi um dos temas do primeiro dia de debates do encontro. O evento vai até domingo, 8, na Universidade de Brasília (UnB).

A diretora Nacional de Mulheres da UNE, Tatiana Oliveira, disse considerar “bastante limitadas” as atuais propostas e defendeu mecanismos que garantam maior presença feminina nas decisões políticas. “Qualquer sistema eleitoral tem que trabalhar essa participação feminina. Infelizmente, o número de parlamentares que se preocupam com essa pauta ainda é muito pequeno”, protestou.

A UNE proposta da UNE é a de alternância de um nome feminino e um masculino na formulação das listas partidárias. A medida só teria impacto se o voto em eleições proporcionais (legislativo) fosse exclusivamente em lista. A iniciativa foi derrubada no Plenário, no dia 27 de junho.

Para o universitário gaúcho Pedro Henrique Closs Thomé, há necessidade de maior participação da sociedade nas discussões da proposta e culpou a mídia pela falta de esclarecimento. “A maioria das emissoras de televisão, principalmente as de canal aberto, não passa o que realmente está sendo debatido. E quando passa, é a síntese de uma síntese”, lemantou.

Nesta sexta-feira, há painéis e seminários sobre democratização dos meios de comunicações; o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC); e a busca do desenvolvimento sustentável. Às 15h, uma passeata com o lema “Verás que um filho seu não foge à luta”, ocorre na Esplanada dos Ministérios.



No artigo

1 comment

  1. Professor Carlos Ser

    Excelente! Necessitamos mobilizar todos estudantes brasileiros. Proponho dar início em minha escola, claro, com o apoio de vocês da UNI. Vamos em frente. Verás que um filho teu não foge à luta. Vamos iniciar nas escolas.

Comments are closed.


x