Comparação entre Iraque e Vietnã causa enxurrada de críticas a Bush

Declaração do presidente norte-americano provocou reações internas e do governo do Vietnã

184 0

Declaração do presidente norte-americano provocou reações internas e do governo do Vietnã

Por Redação 

A declaração do presidente norte-americano George W. Bush na terça-feira, 21, no estado do Missouri, de que uma retirada do Iraque poderia “desencadear uma convulsão como a que ocorreu no Sudeste Asiático” depois da derrota das tropas americanas do Vietnã, foi mal recebida dentro e fora dos Estados Unidos.

“Os vietnamitas lutaram por uma causa correta durante a guerra travada contra os ocupantes americanos, mas preferem focar no presente”, disse Le Dung, porta-voz da chancelaria do Vietnã, nesta quinta-feira, 23. “A guerra deixa seqüelas que ainda são visíveis hoje, assim como nossas lembranças”, disse durante seu encontro quinzenal com a mídia. “Mas, sendo uma nação com uma tradição que valoriza a paz, estamos determinados a não esquecer o passado, mas a valorizar o presente e esperar uma melhor relação com os Estados Unidos”, disse.

No discurso, Bush ainda apontou que “um legado inegável do Vietnã é o de que o preço pela saída dos Estados Unidos foi pago por milhões de cidadãos inocentes”. A partir daí ele concluiu que há perigos adicionais no Iraque, já que a rede Al Qaeda tomaria como vitória o fato. Com isso, a rede ganharia força no país árabe, e atrairia mais militantes.

Vale lembrar que não se encontrou provas de presença de organizações ligadas a Osama Bin Laden antes da deposição do ditador iraquiano Saddam Hussein. A chegada de lideranças insurgentes extremistas ocorreu depois da invasão das tropas dos Estados Unidos e Inglaterra, em março de 2003.

No Senado
Harry Reid, senador por Nevada e líder da maioria democrata, recusou a comparação entre os dois conflitos. Ele considerou a decisão de invadir o Iraque um dos piores erros da história americana. “Hoje nossos soldados permanecem presos no meio de uma guerra civil, e a estratégia do presidente continua fracassando, sem conseguir fornecer a solução política necessária para a estabilidade do Iraque”, disse Reid. Ele prometeu manter o Congresso na luta pela saída.

O senador John Kerry, veterano da Guerra do Vietnã derrotado nas eleições de 2004, classificou o discurso de Bush de “irresponsável e ignorante”. Ele afirmou não estar surpreso com a simplificação das diferenças e negligência em relação às semelhanças. “Se o presidente quiser aprender as lições deixadas pela Guerra do Vietnã ele deve mudar de curso. E mudar imediatamente”, disse Kerry.

História
No Vietnã, os Estados Unidos chegaram a manter 500 mil soldados no território. Segundo dados do governo do Vietnã, os invasores causaram a morte de mais de 3 milhões de vietnamitas. As vítimas do agente desfolhante laranja também são incluídos na conta.

Com informações do Vermelho 



No artigo

x