Dia da Visibilidade Lésbica é comemorado nesta quarta

A data nacional, 29 de agosto, faz referência ao 1º Seminário Nacional de Lésbicas, na cidade do Rio de Janeiro

180 0

A data nacional, 29 de agosto, faz referência ao 1º Seminário Nacional de Lésbicas, na cidade do Rio de Janeiro

Por Redação 

Nesta quarta-feira, 29, comemora-se o Dia da Visibilidade Lésbica. A data foi definida a partir do 1º Seminário Nacional de Lésbicas, na cidade do Rio de Janeiro, realizado em 1996. O evento durou quatro dias, e reuniu 100 ativistas de várias partes do país.

O evento histórico foi organizado pelo Coletivo de Lésbicas do Rio de Janeiro e pelo Centro de Documentação e Informação Coisa de Mulher. A data, segund Yáskara Guelpa, militante do Coletivo de Feministas Lésbicas e da Associação Flor do Asfalto, além de celebrar, pretende principalmente mostrar a necessidade de uma maior atuação do movimento.

“Dentro do universo GLBT ainda a visibilidade lésbica deixa muito a desejar. Seja porque as lésbicas ainda não são mais atuantes, seja porque o universo GLBT, quando a gente fala dos gays, existe ainda um machismo que a gente não pode negar. O Dia da Visibilidade é um dos dias mais importantes considerando que é as lésbicas devem se projetar, se assumirem lésbicas”, afirmou Yáskara ao portal G OnLine. Ela atua na luta pelos direitos das lésbicas há 10 anos.

O preconceito é o maior obstáculo à visibilidade. “Existe ainda o problema da lésbica não se assumir por medo de perder o emprego. Esse problema ainda existe, tanto que nós temos lésbicas famosas que são atrizes ou cantoras e não se assumem porque sabem que terão problemas na hora de fechar contratos”, ressalta a militante que deseja para o futuro que a visibilidade “traga o fim preconceito e que as lésbicas possam assumir a sua lesbianidade para não continuarem sendo estigmatizadas”.

Os eventos começam nesta segunda-feira, 27, e se estendem pela semana.

(Com informações de Gonline)



No artigo

x