Padres abusaram de crianças por 60 anos na Irlanda, diz relatório

Relatório governamental aponta padres que teriam cometido abusos e responsabiliza o próprio governo por inação

298 0

Relatório governamental aponta padres que teriam cometido abusos e responsabiliza o próprio governo por inação

Por Redação

Milhares de crianças e adolescentes foram alvos de abusos sexuais por padres em instituições católicas na Irlanda, segundo relatório governamental do país divulgado, hoje, 20. O relatório é resultado de nove anos de investigações da Comissão de Inquérito sobre Abuso Infantil e indica que sucessivas gerações de padres, freiras e irmãos abusaram de menores entre os anos 1930 e 1990.

O relatório cita instituições que foram fechadas por conta dessas acusações, e critica o Departamento de Educação acusando-o de incompetência por não terem impedido os abusos.

A comissão entrevistou 1090 homens e mulheres que freqüentaram 216 orfanatos, hospitais e escolas dirigidas pela Igreja. Hoje muitas das vítimas já estão idosas.

Segundo o presidente da comissão de inquérito, o juiz Sean Ryan, as autoridades transferiam os acusados de unidade quando surgiam acusações de abusos contra elas. “Em muitos casos”, afirmou o juiz, os acusados voltavam a cometer crimes para onde eram transferidos.
Com informações do portal G1.



No artigo

x