Blogosfera e cidades: pautas nem tão distantes assim

Nesta sexta-feira, 17, terá início o 2º Encontro Nacional de Blogueiros, em Brasília. Estarei lá, participando e cobrindo pela Revista Fórum. À primeira vista não é exatamente uma pauta que tenha grandes relações com...

202 0

Nesta sexta-feira, 17, terá início o 2º Encontro Nacional de Blogueiros, em Brasília. Estarei lá, participando e cobrindo pela Revista Fórum. À primeira vista não é exatamente uma pauta que tenha grandes relações com este blog. Aqui a idéia é falar sobre temas relativos à gestão urbana, boas práticas nas cidades, políticas públicas e movimentos sociais por lugares melhores para se viver, entre outras possibilidades.

Nessas outras pautas possíveis se encaixa a blogosfera. Na verdade, o movimento que vem se construindo desde o ano passado, quando ocorreu o 1º Encontro, reúne ativistas virtuais que atuam em todos os espaços da internet. São comentaristas de blogs, tuiteiros e, inclusive, blogueiros.

Com a internet, muitos blogs e sites regionais têm cumprido o papel de discutir os problemas locais das cidades. A rede também tem sido um espaço cada vez mais utilizado para aprofundar a democracia e a participação da população nas decisões políticas. Este blog já indicou experiências nesse sentido, como o São Paulo Antiga e o Porto Alegre.cc.

Há duas iniciativas recentes que utilizam o ambiente virtual para que as pessoas possam interagir com os governantes: o gabinete digital lançado pelo governador Tarso Genro, no Rio Grande do Sul, e o Você no Parlamento, uma parceria entre a Câmara dos Vereadores de São Paulo e a Rede Nossa São Paulo.

O ativismo na blogosfera e nas redes sociais também é capaz de mobilizar muita gente. A internet tem sido a ferramenta utilizada para organizar uma série de protestos, como ocorreu no churrasco da gente diferenciada, no bairro de Higienópolis em São Paulo.

As pessoas levam a cidade para a blogosfera, e vice-versa.



No artigo

x