A raiz do problema

Michel Löwy defende os valores socialistas como única forma de transformar a sociedade global Por Cristiano Navarro Peres   “Ser socialista é ser radical”. Essa definição foi...

283 0

Michel Löwy defende os valores socialistas como única forma de transformar a sociedade global

Por Cristiano Navarro Peres

 

“Ser socialista é ser radical”. Essa definição foi dada pelo professor Michel Löwy, sociólogo francês, recordando a origem da palavra radical, que vem de raiz. Ele lembrou a manifestação organizada pela Via Campesina durante o primeiro Fórum Social Mundial. Liderados pelo ativista José Bové, trabalhadores rurais destruíram uma plantação de produtos transgênicos da empresa Monsanto, o que resultou em problemas judiciais para o francês. “Bové deu um exemplo de como se corta um mal pela raiz. Agora devemos nos questionar: qual é a raiz do problema FMI? Qual a raiz do problema da nossa distribuição de renda? Só assim conseguiremos avançar nessas questões.”

Löwy acredita que cada levante popular pode ser considerado um passo em direção ao nascimento de outro mundo. “Desde a época em que tivemos as revoltas cristãs até os protestos recentes em Seattle, Gênova e Argentina estão sendo plantadas as sementes. Agora, cabe a cada cidadão cuidar do crescimento dessas plantas para podermos colher seus frutos.”

Para conceituar melhor os objetivos do socialismo, Löwy citou três figuras históricas que encarnariam seus principais valores:

Democracia e coragem: “Um militante deve manter aceso o espírito revolucionário e democrático como fez Rosa de Luxemburgo até o momento de sua morte. Para ela, não existia mudança na sociedade sem revolução, nem socialismo sem democracia.”

Fraternidade e coletivismo: “Che Guevara pôs o socialismo em todas as práticas de sua vida. Ele não acreditava em socialismo no qual a mudança fosse apenas econômica, mas sim num que criasse uma outra sociedade civil, baseada na idéia da fraternidade e coletividade sem fronteiras. Por isso Che lutou em Cuba, na África e na Bolívia.”

Ecologia: “Chico Mendes uniu indígenas, seringueiros e comunidades ribeirinhas em defesa da floresta. Essa sintonia ecológica é o único meio de pensar um desenvolvimento sustentável de verdade.”



No artigo

x