Filme de Oliver Stone sobre Bush causa polêmica

Uma biografia para o cinema do presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, rendeu ao aclamado diretor americano Oliver Stone críticas contrastantes na sua primeira exibição no país, na terça-feira. O filme, chamado W.,...

118 0

Uma biografia para o cinema do presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, rendeu ao aclamado diretor americano Oliver Stone críticas contrastantes na sua primeira exibição no país, na terça-feira.

O filme, chamado W., narra a trajetória do presidente desde os seus tempos na Universidade de Yale até a sua chegada à Casa Branca.

Em várias resenhas, o ator Josh Brolin, que encarnou o presidente no filme, recebeu entusiasmados elogios.

"O ator oferece mais do que uma razoável semelhança física (com Bush) e uma interpretação que convence, impetuosa e determinada", disse o crítico Todd McCarthy, da revista Variety.

A revista diz que o filme é "incomum e inevitavelmente interessante" e oferece "uma interpretação clara e plausível do atual estado psicológico do presidente".

Mike Goodridge, da revista Screen International, foi além, dizendo que Brolin é candidato a prêmios de melhor ator pela interpretação do presidente.

"Totalmente imerso no papel, o ator vai além da imitação – ele dá uma complexidade humana ao presidente", afirmou Goodridge.

O crítico diz que o presidente é representado no filme como "tão carismático quanto é estúpido, tão idealista quanto perigosamente inocente".

(Com informações da BBCBrasil)

Leia também

Berlusconi veta filme sobre Bush
O novo filme de Oliver Stone, "W", que retrata a vida de Bush antes de chegar à presidência dos EUA, não vai abrir o Festival de Roma porque Silvio Berlusconi não gostou da idéia. 

"Como um vagabundo bêbado virou a figura mais importante do mundo?"
Roteiro de "W", filme de Oliver Stone sobre George W. Bush, vaza



No artigo

x