ONU acompanha Brasil e exige fim do cerco

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU), nesta sexta-feira, 25 de setembro, exigiu que o governo golpista de Roberto Micheletti encerre o cerco à embaixada do Brasil, onde está refugiado o presidente legítimo de Honduras, Manuel...

288 0

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU), nesta sexta-feira, 25 de setembro, exigiu que o governo golpista de Roberto Micheletti encerre o cerco à embaixada do Brasil, onde está refugiado o presidente legítimo de Honduras, Manuel Zelaya. 

O conselho condenou o ato e instou os golpistas a cessarem a ação militar restritiva à representação diplomática brasileira, instalada na cidade de Tegucigalpa, capital do país. 

Atendendo a pedido feito na manhã de hoje pelo ministro das Relações Exteriores do Brasil, Celso Amorim, o Conselho de Segurança exige que o governo de Honduras "cesse o cerco militar e garanta a segurança dos indivíduos na embaixada".



No artigo

x