Paraguai vive dia de tensão política

O Paraguai vive hoje (5) momentos de tensão e crise política com ameaças de disputas entre as instituições oficiais. A Sala Constitucional da Corte Suprema paraguaia reiniciou o julgamento que pode anular a decisão...

87 1

O Paraguai vive hoje (5) momentos de tensão e crise política com ameaças de disputas entre as instituições oficiais. A Sala Constitucional da Corte Suprema paraguaia reiniciou o julgamento que pode anular a decisão do Congresso Nacional do país vizinho de afastar dois ex-magistrados do órgão. Os magistrados são acusados de suposto desempenho inadequado de suas funções. A iniciativa provocou denúncias de manipulação política.

A oposição, liderada pelo Partido Colorado do ex-presidente Nicanor Duarte, acusa o presidente do Paraguai, Fernando Lugo (do Partido Liberal), de interferir politicamente no processo, uma vez que o Congresso paraguaio determinou o afastamento dos ex-magistrados das suas antigas funções.

Com uma base política fragmentada, Lugo enfrenta uma forte oposição ao seu governo. A falta de unidade e as disputas de força entre os três Poderes – Legislativo, Executivo e Judiciário – fragilizam sua atuação.

A situação se agravou ainda mais porque há cerca de dois meses, Lugo trocou os comandos das Forças Armadas. Paralelamente o presidente tem de lidar com as dificuldades de uma economia incipiente e as cobranças de reforma agrária que motivaram sua eleição.

Apesar do cenário, especialistas brasileiros que acompanham a política do Paraguai negam que ocorram riscos de rompimento democrático e crise institucional. De acordo com os estudiosos, não há interesse dos setores envolvidos em levar a cabo um golpe de Estado embora o descontentamento com o governo Lugo seja evidente.

No caso do julgamento que começou hoje, dos ex-magistrados Bonifácio Ríos e Carlos Fernández Gadea, ligados politicamente a Nicanor, a tendência é de a Corte Suprema anular a decisão do Congresso, permitindo o retorno de ambos.

Desde o final da manhã de hoje a área em torno do tribunal foi tomada por manifestantes contrários e favoráveis. Os jornais do Paraguai mostram imagens de manifestantes com cartazes, faixas e até fantasiados.

Publicado por Agência Brasil.



No artigo

1 comment

  1. marcelo regius gomes

    A consolidação de um verdadeiro Estado Democrático Socialista de Direito também passa por crise de suas instituições que resolvidas no âmbito da democracia participativa acumulam forças em seu processo de aprofundamento.

Comments are closed.


x