Vicentinho, ex-aluno da Uniban, vai pedir para reitor voltar atrás

Formado há 6 anos na Universidade Bandeirantes (Uniban), o deputado federal Vicentinho (PT/SP) afirmou à Fórum que pedirá ao reitor que volte atrás na decisão de expulsar a estudante Geisy Arruda do curso de Turismo...

251 0

Formado há 6 anos na Universidade Bandeirantes (Uniban), o deputado federal Vicentinho (PT/SP) afirmou à Fórum que pedirá ao reitor que volte atrás na decisão de expulsar a estudante Geisy Arruda do curso de Turismo da universidade.

“Foi um erro grave da universidade ao expulsar a moça. Esse caso está nos deixando apreensivos. Vou procurar o reitor pra rever a posição”, disse o parlamentar, que chegou a participar de campanhas publicitárias da universidade. “Sou ex-aluno, deputado federal e chegamos (ele e o atual prefeito de São Bernardo Luiz Marinho) a fazer depoimentos pela escola. Sinto-me na obrigação de dialogar (com o reitor)”, pontua.

Vicentinho diz que, quando cursava Direito na faculdade, não havia clima de hostilidade ou de machismo entre os alunos e professores. “O que aconteceu é inesperado, me formei em 2003 e os professores eram excelentes, os estudantes também”.

A universidade já foi cobrada pelo Ministério da Educação (MEC) para prestar explicações sobre a expulsão da estudante. Além da qualificação da atitude da aluna pela Uniban, o MEC questiona a diferença de postura da universidade com relação a Geisy, que foi expulsa, em relação a estudantes que participaram da humilhação pública, tendo havido uma única suspensão. A Uniban tem 10 dias para dar explicações ao ministério.



No artigo

x