Zelaya está em Honduras, na embaixada brasileira

O presidente de Honduras, Manuel Zelaya, vítima do regime golpista de Roberto Micheletti, disse hoje, 21 de setembro, em entrevista telefônica a um canal de televisão local, que voltou ao seu país. "Não posso...

138 0

O presidente de Honduras, Manuel Zelaya, vítima do regime golpista de Roberto Micheletti, disse hoje, 21 de setembro, em entrevista telefônica a um canal de televisão local, que voltou ao seu país. "Não posso dar mais detalhes, mas já estou aqui, concederei uma entrevista coletiva e falarei sobre como entrei no território nacional", declarou. Ele está na capital hondurenha, Tegucigalpa, refugiado na embaixada brasileira.

A ministra de Relações Exteriores hondurenha, Patricia Rodas, falou à emissora venezuelana Telesur e confirmou que Zelaya "está em território nacional, logo após entrar pelas montanhas em Honduras".

Participação brasileira

Zelaya agradeceu o governo do Brasil pelo respaldo e convocou a população hondurenha a se reunir à frente da embaixada. Na fala à Telesur, comentou aguardar um telefonema do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que viaja a Nova York para participar da Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU). 

Em entrevista coletiva, o ministro das Relações Exteriores brasileiro, Celso Amorim, comunicou ter falador com Zelaya ao telefone e que “o Brasil espera que a volta do presidente a Tegucigalpa represente um novo estágio nas negociações ”.

Manuel Zelaya foi deposto, no dia 28 de junho, pelo golpe militar liderado por Roberto Micheletti.  

Leia também:

Paralisações, marchas e jornadas de luta seguem pela volta de Zelaya 

Os Estados Unidos e o golpe em Honduras

Relator da ONU afirma que liberdade de expressão é nula em todo o país

 



No artigo

x