Espaço Solidário

Um grupo de 20 jovens com idade entre 16 e 24 anos, de famílias de baixa renda do município de Quixadá, no estado do Ceará, formou uma cooperativa especializada no processamento e na comercialização...

260 0

Um grupo de 20 jovens com idade entre 16 e 24 anos, de famílias de baixa renda do município de Quixadá, no estado do Ceará, formou uma cooperativa especializada no processamento e na comercialização de óleo de cozinha usado para transformação em biodiesel.

Por Brunna Rosa

 

Em experiência inédita, cooperativa cearense produz biodiesel com óleo de cozinha
Um grupo de 20 jovens com idade entre 16 e 24 anos, de famílias de baixa renda do município de Quixadá, no estado do Ceará, formou uma cooperativa especializada no processamento e na comercialização de óleo de cozinha usado para transformação em biodiesel. Tendo como presidente a jovem Camila França, de 18 anos, a inédita Cooperativa Socioambiental e de Reciclagem Ó-Limpo, oficialmente registrada em outubro de 2008, já rendeu sua primeira venda em novembro desse ano. O produto final foi comercializado para a Petrobras e dois mil litros do insumo foram vendidos por R$ 2.400 para a Unidade de Produção de Biodiesel da empresa, localizada no próprio município de Quixadá. A cooperativa também conta com as parcerias da prefeitura municipal e do governo do estado. O endereço é Avenida Presidente Vargas, 231, Quixadá (CE). O telefone para contato é (88) 3414.3067

Rede Brasileira de Bancos Comunitários inicia conversa com o Banco Central

No dia 18 de novembro, a Rede Brasileira de Bancos Comunitários iniciou as conversas sobre a inclusão financeira junto ao Banco Central, durante o I Fórum Banco Central de Inclusão Financeira. “Vamos fazer nossa parte para definir um marco relatório que organize o setor”, afirmou o chefe de departamento de Organização do Sistema Financeiro do Banco Central, Luiz Edson Feltrin, durante o evento. Ele também informou que o Brasil irá coordenar, juntamente com a Austrália, um subgrupo que tratará da Inclusão Financeira no G-20, formado pelos ministros de finanças e chefes dos Bancos Centrais das 19 maiores economias do mundo mais a União Europeia. “Isso nos traz responsabilidades, mas não temos medo de desafios”, complementou. Já o coordenador do Banco Palmas, Joaquim de Melo, reafirmou a importância do momento. “É histórico para os bancos comunitários; estamos felizes com o fato de o Banco Central abrir este espaço para falar de moedas sociais. É bom que o Brasil siga exemplos de países como Venezuela, Peru, Equador e Uruguai. Os bancos comunitários não surgiram para disputar espaço e sim para complementar o que já existe”, disse o coordenador do Banco Palmas.
Para acompanhar as discussões da Rede Brasileira de Bancos Comunitários, acesse: http://www.bancopalmas.org.br

FAO promove concurso de pesquisa sobre segurança alimentar e nutricional
O II Concurso de Segurança Alimentar e Nutricional selecionará e premiará cinco artigos de pesquisa originais, com prêmios de US$ 500 a US$ 3 mil, e é promovido pela Rede de Pesquisa em Segurança Alimentar e Nutricional (Redsan), com o apoio do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Alimentação (NEPA) da Unicamp. O prazo para o envio dos artigos é 31 de janeiro de 2010 e o anúncio dos ganhadores será feito em 15 de março de 2010. A íntegra do regulamento está disponível (em espanhol) em: www.redsan.org/convocatoria.aspx

Inscrições para o Prêmio Rosani Cunha de Desenvolvimento Social até 15 de janeiro

Estão abertas as inscrições para o Prêmio Rosani Cunha de Desenvolvimento Social, que reconhece e valoriza as boas práticas de municípios, estados, e da sociedade civil organizada, além de estudos acadêmicos produzidos por pesquisadores. A premiação é uma idealização do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) e contempla as áreas de assistência social, segurança alimentar e nutricional, transferência de renda e inclusão produtiva.
O prêmio tem como temática as “Ações Integradas para a Proteção e Promoção Social” e o seu nome presta uma homenagem à ex-secretária nacional de Renda de Cidadania do MDS, Rosani Cunha, falecida em novembro de 2008.

Saiba mais sobre o prêmio através do portal: www.mds.gov.br

Pontos de Cultura poderão se espalhar pelo Mercosul

Os Pontos de Cultura, selecionados a partir de edital público, atuam a partir da transversalidade da cultura e da gestão compartilhada entre poder público e a comunidade. Atualmente, existem cerca de 2.500 Pontos de Cultura espalhados pelo país, e eles poderão agora se estender por todo o Mercosul. O projeto de norma para a implementação dos Pontos na região foi aprovado em novembro pelo Parlamento do Mercosul, em Montevidéu, e será agora encaminhado ao Conselho do Mercado Comum, órgão máximo da integração regional.

De acordo com a proposta aprovada, os Pontos de Cultura se articularão nos países do bloco e formarão redes regionais, com o objetivo de ampliar o acesso a bens culturais, oferecer equipamentos para a produção cultural e gerar oportunidades de trabalho, emprego e renda para trabalhadores, micro, pequenas e médias empresas e empreendimentos da economia solidária.

Notas
O Encontro Nacional de Economia Solidária acontece em Goiânia (GO) entre 13 e 15 de dezembro.

A III Feira Estadual e Economia Solidária e Agricultura Familiar do Maranhão acontece entre 17 e 19 de dezembro de 2009, no Centro Histórico da Praia Grande, São Luís – MA

Estão abertas as inscrições para o 1º Fórum Social de Economia Solidária, que acontece entre 22 e 24 de janeiro de 2010, em Santa Maria (RS), no Centro de Referência de Economia Solidária Dom Ivo Lorscheiter, na Rua Heitor Campos; e de 25 a 29 de janeiro, na Região Metropolitana de Porto Alegre (RS). Elas podem ser realizadas pelo site: http://www.fsmecosol.org.br

Essa matéria é parte integrante da edição impressa da Fórum 81. Nas bancas.



No artigo

x