Acompanhe aqui o 6º protesto contra o aumento da passagem

Confira aqui a cobertura em tempo real da manifestação em São Paulo, com links para depoimentos, imagens e textos sobre o protesto

584 0

Confira aqui a cobertura em tempo real da manifestação em São Paulo, com links para depoimentos, imagens e textos sobre o protesto

Para atualizar, clique F5

21h01 – Informações do Estadão: ao menos duas lojas foram saqueadas, há pouco, na região da Praça Patriarca e da Rua Direita. Imagens mostraram pessoas saindo das lojas com eletrodomésticos. Um banco também teria sido invadido.

20h52 – Na Fórum: Brasileiros lotam a praça mais famosa de Barcelona.

20h47 – João Brant, no Facebook: “A fatura pelo crescimento da direita nos atos deve ser enviada ao Haddad. Quanto mais ele demora, mais espaço para os oportunistas. A vantagem é que a direita está sem direção e com discurso frágil, mas a FIESP projetando a bandeira do Brasil mostra que é questão de tempo. Depois da deixa que o prefeito perdeu hoje de manhã, com todo o Conselho defendendo a revogação, nem sei mais o que dizer.”

20h45 – Manifestantes se dividem e ocupam Avenida Paulista, frente da prefeitura e Rodovia Raposo Tavares. Na EBC.

20h42 – No Blog do Rovai: Ataque à Prefeitura de São Paulo: Quem é esse cara?

20h37 – Manifestantes que estão em frente à prefeitura afirmaram que existe a desconfiança entre eles de que P2 (policiais infiltrados) possam ter incitado os ataques contra o prédio do governo municipal. No momento dos ataques, não havia lideranças e nem faixas do Movimento Passe Livre no local.

20h29 – Do Terra: Rede Globo e  revista Veja foram alvo de manifestantes novamente no protesto de hoje. “Veja, Globo, o povo não é bobo”,“Fora Globo” e “Central Globo de Mentiras” foram algumas frases ouvidas. Ontem, Caco Barcelos foi impedido de gravar no Largo da Batata.

20h17 – Manifestantes interditaram a Raposo Tavares. A foto e a informação são de Vinicius Benedetti.

20h14 – Imagem do início do protesto: milhares de pessoas em frente à prefeitura de São Paulo. (Foto: Mídia Ninja)

20h13 – Do Facebook do Antônio Prata: “É foda, 100 mil atravessam a cidade na maior paz, durante 5 horas, aí 50 idiotas tentam jogar tudo fora roubando ônibus e batendo na grade do palácio… Os caras não entendem que isso é assessoria de imprensa pra Rota?”

20h11 – Imagem do veículo da Rede Record incendiado em frente ao prédio da prefeitura. (Felipe Rousselet)

20h09 – A avenida Paulista está ocupada pelos manifestantes. Segundo o Datafolha, 50 mil pessoas foram às ruas nesta terça-feira (18). Imagem do Facebook do Prepara:

20h07 – Em Portugal, brasileiros fazem ato em apoio às manifestações no Brasil. Veja aqui.

20h05 –  No momento, a Avenida Paulista está interditada pelos manifestantes e existem outras vias parcialmente bloqueadas.

19h58 – Em frente à prefeitura, manifestantes tentam virar carro de reportagem da Rede Record.

19h55 – Manifestantes fizeram um cordão humano em frente ao prédio da prefeitura de São Paulo para tentar evitar que a sede do governo municipal seja depredada. Na EBC.

19h53 – Maioria dos manifestantes em frente à prefeitura repudia ataque à sede do governo municipal. Enquanto um grupo grita “Sem vandalismo”, o outro responde “Sem moralismo”.

19h49 – Atenção: Representante do Movimento Passe Livre (MPL) confirma que o grupo não estava em frente à prefeitura e que a tentativa de entrar na sede do governo municipal foi um ato isolado. O MPL tentava seguir para a Marginal Tietê via Avenida do Estado e teve que voltar para contornar a situação. Neste momento, o grupo se dividiu em dois: um segue via Consolação para a Paulista e outro tentará ir para a Radial Leste.

19h48 – Na Fórum: A Multidão que se recusa a ser coisa

19h46 –Mães de Maio, no Facebook:

E O SR. ALCKMIN VAI CONTINUAR FINGINDO QUE NÃO É COM VC TAMBÉM?!

19h42 – Imagem do Facebook de Leonardo Sakamoto: Após vidraças da prefeitura serem quebradas por um pequeno grupo de manifestantes, jovens fazem um cordão de isolamento para proteger o prédio, gritando “sem violência”.

 

19h40 – Da Folha: no momento, avenida Paulista está interditada nos dois sentidos, na altura da Brigadeiro Luís Antônio.

19h36 –  Manifestantes na Paulista: imagem do Twitter do Borges SPFC

19h33 – Um grupo grande de manifestantes ocupou a avenida do Estado, informa o Ocupa Sampa.

19h29 – Um grupo numeroso de manifestantes chega à Avenida Paulista.

19h19 – Ocupa Sampa informa que o Movimento Passe Livre e o núcleo da manifestação seguiram para a Avenida do Estado. Grupo que ficou na prefeitura tenta entrar na sede do governo paulistano.

19h16 – Segundo Instituto Datafolha, 50 mil pessoas participam do protesto em São Paulo.

19h15 – Parte dos manifestantes está em frente à prefeitura. Uma bandeira do estado de São Paulo foi rasgada.

19h10 – Ocupa Sampa informa que o Movimento Passe Livre e o núcleo da manifestação seguiram para a avenida do Estado.

19h05 – Site da Fórum está sendo derrubado, estamos tentando resolver.

18h45 – Manifestantes derrubam grades de proteção em frente à prefeitura de São Paulo.

18h41– Grupo de manifestantes se divide. Parte ficou na Praça da Sé, enquanto outro grupo está na frente da prefeitura e deve caminhar para a avenida Paulista. Um terceiro agrupamento está seguindo para o terminal Parque Dom Pedro II.

18h39 – Da Folha: Em frente à prefeitura, manifestantes gritam: “Brasil, vamos acordar! O professor vale mais do que o Neymar!”

18h32 – Na prefeitura de São Paulo, manifestantes gritam: “Ei, Haddad, paramos a cidade”.

18h29 – Manifestantes queimam dois bonecos de “Judas”, um representando Fernando Haddad, o outro, Geraldo Alckmin.

18h28 – Juninho Pernambucano, meia brasileiro que atua no New York Red Bulls (EUA), sugeriu que jogadores da seleção “cantem o hino nacional de costas”, para apoiar as manifestações pelo país.

18h26 – Na FórumO Palácio, seu ocupante e uma certa palavra povo

18h23 – Do Estadão: Manifestantes chegam à frente da prefeitura, mas um grande grupo permanece na Sé.

18h08 – Manifestantes já estão na prefeitura, cercando o prédio e pedindo a redução do preço da passagem.

18h03 – Em João Pessoa, no Recife e em Montes Claros (MG), a passagem vai cair em R$ 0,10.  Veja na EBC.

17h59 – O repórter da TV Globo, Caco Barcellos, foi expulso, novamente, da manifestação. O jornalista lidera a equipe do “Profissão repórter”, programa da emissora carioca. Para fugir dos manifestantes, Barcellos se escondeu em uma loja de sucos, na Praça da Sé.

17h53– MPL tenta reforçar o o caráter apartidário do ato. Dois militantes do Partido Comunista Revolucionário (PCR) tiveram as bandeiras retiradas por outros manifestantes, que gritavam: “Bandeira aqui, só do Brasil”

17h52 – Manifestação segue em direção ao prédio da prefeitura de São Paulo.

17h50 – Para Marin, manifestações são “preocupantes”. Aqui.

17h47 – O secretário municipal de Transportes, Jilmar Tatto, afirmou que a redução da tarifa custaria R$ 300 milhões para os cofres da cidade e propôs que o “usuário de transporte individual também arque com os custos do transporte coletivo, assim como a prefeitura e os empresários.”

17h44 – Imagem do Mídia Ninja, Praça da Sé:

17h41 – Na Fórum: Três breves observações sobre o 5o. Ato em SP

17h39 – O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), afirmou nesta terça-feira (18), que a revogação do aumento é uma “decisão que não é técnica, é política mesmo.” A declaração foi dada durante reunião do Conselho  da Cidade, na sede da prefeitura.

17h35 – Do Estadão: Deputado estadual Major Olímpio (PDT) afirma que vai convocar representantes da PM e integrantes da Polícia Civil para uma “marcha cívica” até o Palácio dos Bandeirantes no dia 5 de julho, pedindo melhores condições de trabalho e reajuste salarial.

17h29 –  Foto do Mídia Ninja de dez minutos atrás, na Praça da Sé

17h25 –  Panfleto distribuído na manifestação de ontem, pelo grupo que se denomina “Basta”, pedia que ativistas lutassem por outras pautas, que não o aumento da passagem.

17h15 – Na Fórum: MPL: “Não vamos permitir que parasitem a nossa pauta”

17h10 – Foto da Praça da Sé, neste momento.

16h50 – Participe do Coletivo Fórum de Jornalismo Colaborativo. Clique aqui.



No artigo

x