Na primeira semana, Programa Mais Médicos atrai 11 mil profissionais

80% dos médicos inscritos até o momento no programa são formados em instituições de ensino brasileiras

263 0

80% dos médicos inscritos até o momento no programa são formados em instituições de ensino brasileiras

Da Redação

Lançamento do Programa Mais Médicos (Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr)

O Ministério da Saúde informou nesta quarta-feira, 17, que o Programa Mais Médicos recebeu, em apenas uma semana, 11.701 inscrições de profissionais e 653 inscrições de municípios. De acordo com o ministério, 80% dos médicos inscritos formaram-se no Brasil e pouco mais de 92% são brasileiros. As inscrições ainda estão abertas e podem ser realizadas até o dia 25 de julho.

Participantes do Programa Mais Médicos receberão bolsa de R$ 10 mil, paga pelo Ministério da Saúde, para realizarem especialização em atenção básica à saúde em regiões carentes de profissionais e serão acompanhados por instituições públicas de ensino durante o período da especialização. O número de vagas que serão oferecidas pelo programa só será informado depois que for mensurada a demanda dos municípios inscritos. As prefeituras vão indicar o número de profissionais de que necessitam e as unidades com capacidade instalada para a atuação dos médicos.

Médicos formados no Brasil, ou que possuam diplomas validados no país, terão prioridade no programa e somente as vagas que não forem preenchidas por eles serão oferecidas para profissionais estrangeiros. Só serão aceitos profissionais formados em países com média superior a 1,8 médico por mil habitantes e que possuam registro profissional comprovado no país onde se deu a sua formação, além de conhecimento da língua portuguesa.

Com informações da Agência Brasil. 



No artigo

x