Haddad participa de ato em apoio a Donato

Prefeito de São Paulo ressalta que quadrilha do ISS só foi revelada graças ao empenho do ex-secretário

328 0

Prefeito de São Paulo ressalta que quadrilha do ISS só foi revelada graças ao empenho do ex-secretário 

Por Redação

Na noite desta quinta-feira (28), o prefeito de São Paulo Fernando Haddad, seus secretários, deputados e a militantes do PT saíram em defesa de Antonio Donato. O ato realizado no Sindicato dos Engenheiros, no centro da capital, ficou lotado.

O ex-secretário Antonio Donato deixou a secretaria de governo de Haddad e reassumiu seu mandato de vereador na capital paulista. Ele deixou a administração pública após citado na investigação do Ministério Público Estadual (MPE) sobre a quadrilha que desviou recursos do ISS da Prefeitura.

“A pessoa que mais se empenhou neste governo, a pessoa que deu impulso às investigações foi Antonio Donato. Foi ele quem tornou a investigação possível”, afirmou Haddad. O prefeito fez um discurso de 14 minutos e uma defesa enfática de Donato e seu empenho em dar estrutura à Controladoria Geral do município.

Donato e o prefeito Fernando Haddad (Foto: Reprodução/Facebook)

Haddad criticou Luis Alexandre Magalhães, acusado de corrupção, dizendo que ele foi à TV mostrar “seu apartamento luxuoso”. “Visitem o apartamento de 50 metros [quadrados] do Donato lá no Campo Limpo [zona sul].”

Em entrevista ao Fantástico no último domingo (23), Luís Alexandre afirmou que nunca ouviu falar sobre o envolvimento de políticos na máfia do ISS. Magalhães disse na TV que gastou o dinheiro de propina em sexo com garotas de programa, jantares, carrões e uma lancha, de R$ 500 mil.

Participaram do ato lideranças nacionais do PT, como o presidente do partido, Rui Falcão, Jilmar Tatto, Cândido Vaccarezza, Ricardo Berzoini e Carlos Zarattini. José Américo, presidente da Câmara, chamou de “safado” o fiscal Eduardo Horle Barcellos, que disse ter dado mesada de R$ 20 mil para Donato entre 2011 e 2012.

Leia também:
Máfia do ISS em SP pode ter começado no governo de Serra, afirma MP
Donato: os corruptores estão nas colunas sociais
Grupo Folha-UOL sob suspeita no esquema de corrupção dos auditores de SP
Midiazona decide que responsável pela corrupção tucana é o ministro do PT
Donato anuncia afastamento para se defender de denúncias

 



No artigo

x