Truculência da PM contra manifestantes encurralados

À curta distância e em local fechado, PM de São Paulo atira balas de borracha e bombas de gás contra manifestantes refugiados em hotel Por Redação...

393 0

À curta distância e em local fechado, PM de São Paulo atira balas de borracha e bombas de gás contra manifestantes refugiados em hotel

Por Redação

PM pisa em manifestante já subjugado
Foto: Reprodução/Facebook

A Polícia Militar encurralou ontem (25/01) manifestantes no hotel Linson, na rua Augusta, região central de São Paulo. Eles participavam de um ato contra a realização da Copa de 2014, quando, buscando refúgio entraram no edifício e foram reprimidos com disparos de balas de borracha e bombas de gás em local fechado, como mostra o vídeo abaixo da Mídia Ninja.

Há relatos de que os organizadores do protesto não conseguiram dialogar com integrantes do black bloc. Fato esse que culminou na divisão do ato, quando os black bloc anunciou que ia seguir em direção à Praça da República, enquanto o movimento “Não Vai ter Copa” seguir para a rua Augusta.



No artigo

x