Um dos “5 Cubanos” será libertado em fevereiro

Fernando González Llort sairá da prisão nos EUA depois de 15 anos preso

318 0

Fernando González Llort sairá da prisão nos EUA depois de 15 anos preso

Por Redação

Fernando González Llort (Foto: Divulgação)

O espião cubano Fernando González Llort, de 50 anos, que faz parte do grupo “Los Cinco”, será libertado depois de 15 anos cumo preso em Miami, nos EUA.

A informação foi divulgada pelo advogado do cubano, Ira Kurzban, que confirmou que o espião será deportado para Havana.

O “Los Cinco”  é formado cinco espiões cubanos detidos em 1998 e condenados em 2001 por atuar dentro dos EUA infiltrados em grupos anticastristas, para evitar ataques ao governo cubano.

Llort foi condenado a 17 anos de prisão por não se registrar como agente cubano nos EUA e por portar documentos falsos. Sua libertação será feita no dia 27 de fevereiro.

Com a liberdade de Llort, são dois dos cinco do grupo que estão libertados. Em 2011, René González saiu do cárcere e hoje reside em Havana. Os outros três agentes, Gerardo Hernández, Ramón Labañino e Antonio Guerrero, seguem cumprindo pena em Miami.

Releia também:

Fernando Morais e os ecos de uma história que não acabou



No artigo

x