Natura é multada por tentar adiar pagamento de dívida trabalhista

O beneficiado é um vigilante que prestava serviços terceirizados à empresa

497 0

O beneficiado é um vigilante que prestava serviços terceirizados à empresa

Por Redação

 

Natura terá de pagar dívida trabalhista ex-funcionário (Foto: Reprodução)

A Natura S.A. foi multada pela Justiça por tentar retardar o pagamento de direitos trabalhistas a um ex-funcionário. A decisão foi tomada pela Sexta Turma do Tribunal Superior do Trabalho na última quinta-feira (6).

O beneficiado é um vigilante que prestava serviços terceirizados à indústria de cosméticos. A empresa da qual ele era contratado faliu e não teve como arcar com seus débitos trabalhistas. O Tribunal, então, determinou o redirecionamento da execução para a Natura, considerada responsável subsidiária.

A relatora, ministra Kátia Arruda, em sua decisão, considerou que os embargos declaratórios tinham como objetivo apenas retardar a execução da dívida.



No artigo

x