Prefeita do PT ameaçada de morte se reúne com Rui Falcão

Bett Sabah, prefeita de Rondolândia (MT), teve que mudar os filhos de escolas por segurança e denunciou que a sua cabeça está valendo R$ 130 mil

315 0

Bett Sabah, prefeita de Rondolândia (MT), teve que mudar os filhos de escolas por segurança e denunciou que a sua cabeça está valendo R$ 130 mil

Por Redação

Prefeita de Rondolândia sofre ameaças de morte desde 2013

Nesta segunda-feira (17) a prefeita de Rondolândia (MT), Bett Sabah, veio a Brasília para se reunir com o presidente nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), Rui Falcão, e solicitar ajuda para conter a crescente onda de violência no município. Bett, que também é presidenta do PT em Rondolândia, está recebendo ameaças de morte desde 2013 por ações da sua gestão. Segundo ela, parte do problema se deve a tentativas de coibir a corrupção na região, que convive com o tráfico e disputas de terras.

“Por conta das ameaças precisei mudar meus filhos da escola, me sinto insegura para andar pelo município e já recebi informações de que estão pagando R$130 mil para quem me matar. Aceitei ser presidenta do meu partido porque meus companheiros estão assustados e com medo das ameaças” lamenta Sabah.

O presidente Rui Falcão está em contato com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, para que se tomem medidas de apoio ao caso, que já foi apresentado à Secretaria de Segurança de Mato Grosso. O deputado federal Ságuas Moraes (PT-MT) está acompanhando a situação da prefeita e atua junto ao governo do estado para uma rápida solução.

Bett Sabah foi eleita em 2012 em uma disputa acirrada, conquistando a vitória com diferença de apenas três votos. Enfermeira por formação, sua gestão investe prioritariamente em saúde, educação e na infraestrutura da cidade, o que vem gerando conflitos com grupos criminosos da região.

Casos de violência contra políticos e gestores públicos são frequentes no município, que apresenta um número alarmante de mortes, já tendo havido o assassinato de um ex-presidente do PT, morto a tiros na véspera das eleições de 2012, além do ex-vereador Rubson de Carvalho, conhecido como Rubão; do líder religioso padre Ezequiel e do indigenista e ex-presidente da Funai Apoena Meireles.

Rondolândia é um município do interior do Mato Grosso e que fica na divisa com Rondônia, criado em 1998 depois de ser desmembrado de Aripuanã. Desde a criação, a cidade vem sofrendo com o problema da violência e não possui meios para combatê-la, uma vez que o efetivo de segurança se resume a quatro policiais que tem o dever de proteger os mais de 3,7 mil habitantes. Além disso, o município também não possui um delegado ou juiz, sendo que os mais próximos estão a uma distância de 1.200 km, o que agrava a situação de risco.



No artigo

x