Abaixo-assinado contra sentenças de morte em massa no Egito

Mais de mil pessoas de 50 países já assinaram um comunicado condenando as sentenças à morte de 529 pessoas no Egito

289 0

Mais de mil pessoas de 50 países já assinaram um comunicado condenando as sentenças à morte de 529 pessoas no Egito

Por Redação, com informações do Green Left Weekly

Em resposta às sentenças de mortes em massa decretada pelo regime militar egípcio contra supostos partidários da Irmandade Muçulmana, uma campanha lançada pelo Egypt Solidarity busca criar uma pressão internacional sobre o governo do Egito para que as sentenças – decretadas após 45 minutos de julgamento nos quais os advogados não puderam fazer suas defesas – sejam anuladas.

Signatários já incluem líderes sindicalistas indo desde Ian Hodson, secretário geral do sindicato dos trabalhadores da indústria alimentícia no Reino Unido; até Mdudzi Gina, secretário geral interino da câmara de comércio da Suazilândia. Parlamentares alemães do Die Linke, acadêmicos, jornalistas e outras centenas de ativistas do mundo todo completam a lista.

Para assinar, clique aqui



No artigo

x