Luiza Bairros pergunta: Se não inserirmos negros no ensino, onde estaremos em 2030?

Ministra da Seppir alertou que a não inserção da população negra gera custos para a sociedade e, segundo ela, os prejuízos do racismo já podem ser mensurados

506 4

Ministra da Seppir alertou que a não inserção da população negra gera custos para a sociedade e, segundo ela, os prejuízos do racismo já podem ser mensurados

Por Redação

A ministra da Secretaria de Políticas de Promoção de Igualdade Racial (Seppir), Luiza Bairros, discursou na última terça-feira (8), em Brasília, e perguntou: “Se não fizermos um esforço de aumento de escolaridade dos nossos jovens e adultos jovens agora, principalmente os negros, onde e como estaremos em 2030?”

O discursou ocorreu durante atividade promovida pela ONU Mulheres na capital federal. A ministra afirmou, no evento, que “o racismo no Brasil causa um prejuízo que já pode ser mensurado.”

Para Luiza, o processo de inclusão racial, agora, fará com que o Brasil, que tem uma população de negros estimada em 100 milhões, se beneficie com o chamado “bônus demográfico”. O momento em que a quantidade de trabalhadores e trabalhadoras é maior do que a de pessoas que não trabalham, as crianças e os idosos. Esse é o momento de criar riquezas e de acumular até o ponto em que essa relação se inverte”, finalizou a ministra.



No artigo

4 comments

  1. jorge luiz Responder

    Não é so inserir negros, MAS INSERIR TODOS AQUELES QUE NECESSITAM NO ENSINO, POIS SEM EDUCAÇÃO E CULTURA UM PAIS NÃO SOBREVIVE. PAREM, COM ESTE DISCURSO DE SÓ NEGROS,

  2. Evandro Lima Responder

    Jorge, por favor, pesquise se a tal democracia racial que tantos ufanistas defendem aqui no Brasil faz sentido no que diz respeito ao acesso a educação, principalmente no nível superior, para negros. Vá a uma formatura do curso de Medicina e veja quantos negros formandos há. Temos 513 deputados federais em Brasília e 81 senadores. Qual o percentual de negros? Dê uma olhada na lista dos 100 empresários mais influentes do Brasil e dos executivos mais bem pagos. Você já parou para ver a publicidade aqui no Brasil? Pois bem, para quem não conhece este país, a ideia é que este país é majoritariamente branco. E não é. Quantos atores negros temos em cena nas novelas atuais? Dê um passeio pelos bairros de alta renda e cheque quantos negros vivem lá; não na condição de empregados, mas moradores. E na favela? Você já se deu conta do percentual de negros que vivem lá, renegados e resultantes de uma desigualdade social histórica? Por esta razão e pelo o que você vai encontrar por essas andanças que respeitosamente te indico fazer, você vai entender porque NÃO VAMOS PARAR COM ESTE DISCURSO DE NEGRO porque país justo é país igualitário e com oportunidades para todos, inclusive negros.

    1. Nilda Rosa Santos Responder

      Jorge, por favor, pesquise se a tal democracia racial que tantos ufanistas defendem aqui no Brasil faz sentido no que diz respeito ao acesso a educação, principalmente no nível superior, para negros. Vá a uma formatura do curso de Medicina e veja quantos negros formandos há. Temos 513 deputados federais em Brasília e 81 senadores. Qual o percentual de negros? Dê uma olhada na lista dos 100 empresários mais influentes do Brasil e dos executivos mais bem pagos. Você já parou para ver a publicidade aqui no Brasil? Pois bem, para quem não conhece este país, a ideia é que este país é majoritariamente branco. E não é. Quantos atores negros temos em cena nas novelas atuais? Dê um passeio pelos bairros de alta renda e cheque quantos negros vivem lá; não na condição de empregados, mas moradores. E na favela? Você já se deu conta do percentual de negros que vivem lá, renegados e resultantes de uma desigualdade social histórica? Por esta razão e pelo o que você vai encontrar por essas andanças que respeitosamente te indico fazer, você vai entender porque NÃO VAMOS PARAR COM ESTE DISCURSO DE NEGRO porque país justo é país igualitário e com oportunidades para todos, inclusive negros.

  3. kelvin Responder

    100% de cotas para Negros! esse país possue uma dívida histórica de exploração, desumanização e abandono dos Negros. o Brasil é um país racista! os índices de encarcerados da raça negra são estarrecedores mas ninguém liga, quando queremos igualar nos índices de educação aí não pode?


x