IstoÉ: calúnia tem acento

A publicação semanal traz uma suposta reportagem, caluniosa e difamatória, que cita a Fórum. Uma peça feita sob medida e com dois objetivos claros

1332 15

A publicação semanal traz uma suposta reportagem, caluniosa e difamatória, que cita a Fórum. Uma peça feita sob medida e com dois objetivos claros

Por Renato Rovai

A revista IstoÉ desta semana traz uma suposta reportagem associando a revista Fórum a um bunker petista financiado pela prefeitura de Guarulhos para caluniar e difamar o senador Aécio Neves. A matéria pode ser lida aqui. Começa com um erro crasso de português no título. O jornalismo da revista escreveu “calunia”. Assim mesmo, sem acento. Talvez num ato falho, já que a matéria assinada por Josie Jeronimo e Raul Montenegro é de ponta a ponta caluniosa e difamatória. Uma peça feita sob medida e com dois objetivos claros.

O primeiro, intimidar os anunciantes da Fórum porque a enxerga como uma ameaça. IstoÉ não é hoje nem uma sombra do que foi no passado. Trata-se de uma revista em decadência que, segundo o Alexa, um dos sites que mensura audiência na internet, está simplesmente 12 mil posições atrás da Fórum no ranking global. Ou seja, já faz tempo que IstoÉ não tem prestígio, mas agora também não tem leitores. E por isso mesmo não deveria ter anúncios, mas eles ainda pululam em suas páginas, como o do Banco do Brasil, que joga dinheiro fora ao ter um banner patrocinando, por exemplo, a matéria que atacou a Fórum. Ou seja, com essa matéria, a IstoÉ se associa a O Globo que ligou para todos os nossos anunciantes fazendo perguntas intimidatórias há pouco mais de um mês. O segundo objetivo é criar uma peça jornalística que leve o Ministério Público a investigar as relações da Fórum com a prefeitura de Guarulhos.

Em relação ao primeiro objetivo, como editor e responsável pela publicação, não poderei ajudar o time do Alzugaray. Eles vão ter de se virar sozinhos. Continuaremos fazendo jornalismo relevante e respeitado e por este motivo nossa audiência tende a continuar crescendo. E isso provavelmente nos levará a cada dia a ter mais leitores do que IstoÉ, que certo dia já foi a segunda maior revista do Brasil. Aliás, a única informação correta da matéria da IstoÉ é a de que a Fórum tem aproximadamente 300 mil page views ao dia. É isso mesmo, são de 5 a 6 milhões de page views e mais de 2 milhões de leitores por mês. Algo que Isto É vai ter que comer muita arroz e feijão para ter.

Em relação ao segundo objetivo da família Alzugaray, serei generoso. Na segunda-feira, o departamento jurídico da Fórum vai ser acionado para ir ao Ministério Público, localizar se de fato há algum promotor nos investigando e, se houver, vamos entregar a ele o contrato de inserção publicitária com a Prefeitura de Guarulhos. O promotor não terá o trabalho de nos intimar. Mas vamos fazer mais. Fórum desafia publicamente IstoÉ a mostrar todos os contratos que a revista tem e teve nos últimos 11 anos com o governo de Minas Gerais (tempos de gestão tucana) e nós apresentaremos todos os contratos que Fórum teve nos últimos 14 anos (tempo de gestão petista) na prefeitura de Guarulhos. Simples assim.

IstoÉ não procurou ninguém da Fórum

Na matéria assinada por Josie Jeronimo e Raul Montenegro há o seguinte trecho: “ISTOÉ entrou em contato com o blogueiro (Eduardo Guimarães), com a revista “Fórum” e com a prefeitura questionando o montante pago em publicidade, mas não recebeu resposta até o fechamento desta edição”. Não posso responder pela Prefeitura nem por Eduardo Guimarães, mas Fórum não foi procurada pelos repórteres. Seria interessante que em nome da credibilidade que imagino eles devem querer resguardar, que apresentem provas de que me ligaram, enviaram e-mail ou que tentaram me acessar, por exemplo, pelo Facebook.

A revista também diz que Fórum “replicou a opinião de um blogueiro que insinua envolvimento do senador do PSDB com entorpecentes”. O artigo que IstoÉ faz menção é este de Kiko Nogueira, do Diário do Centro do Mundo (DCM). Não há nele nenhuma insinuação ao uso de drogas por Aécio Neves. Quem insinuou isso foi boa parte do Mineirão no jogo Brasil e Argentina, em 2008. E talvez também por isso a jornalista Letícia Duarte, do Zero Hora, tenha tratado do tema numa entrevista coletiva. O artigo de Kiko só faz uma reflexão sobre a oportunidade de se tratar deste tipo de assunto. E diz que perguntas como essa já foram feitas a Obama que as teria respondido de forma civilizada.

Não tem essa de quanto é…

Aécio já resolveu todos os problemas que tinha com a mídia tradicional e sabe que nada mais que lhe atinja será publicado nos jornalões. Mas ele também sabe que não terá espaço para fazer acordo de qualquer espécie com publicações como a revista Fórum. E por isso vai tentar nos calar inflando reportagens caluniosas e difamatórias como a da Isto É e ao mesmo tempo judicializando tudo que estiver ao seu alcance. Aviso ao senador, vai ter trabalho.

Fórum nasceu em 2001, antes de Lula se eleger presidente da República. E viveu duríssimos momentos em sua existência. Mas nem por isso deixou de fazer o jornalismo que acredita e julga necessário. E não será a prática coronelista de quem gosta de uma imprensa sabuja e aos seus pés, como é quase que totalidade da mídia mineira, que vai nos intimidar. Fórum e nem o seu editor tem medo de Aécio Neves. Ao mesmo tempo ele não será atacado (como nunca foi) de forma leviana em nosso veículo. Será criticado pelas suas posições políticas. E pelas ideias e práticas políticas que consideramos um atraso para o país. Entre estas práticas, e esta reportagem da IstoÉ já deixa claro, é a da intimidação a veículos de imprensa que não lhe batem continência. Senador, não nos conhecemos pessoalmente, mas provavelmente na cobertura desta eleição venhamos a nos trombar. Serei respeitoso como sou com todos aqueles que entrevisto. Mas é bom que o senhor saiba que a Fórum não faz jornalismo na base das negociatas. Até por isso ninguém trata a nossa revista no mercado pelo sugestivo apelido de Quanto é. Com a Fórum, senador, o buraco é mais em cima.



No artigo

15 comments

  1. Limarco - Marco Antonio Responder

    Por essa e por outras, deixei de assinar a Isto É (foi)

  2. Geraldo Galvão Responder

    Parabéns pela resposta certeira que a “Quanto é” merecia. A grande imprensa (PIG), a cada dia perde mais credibilidade,

  3. Alex da Paula Xavier Pereira Responder

    A velha mídia de DNA golpista e sordidez atávica, que remonta aos degredados pelo trono que por aqui aportaram em 1500.

  4. João - Contra o GOLPE do PIG Responder

    Já coloquei no meu favorito, todo dia é uma visita garantida, corta os pulso Isto É, logo estarão encartando suas revistas nas sacolas para coletar coco de cachorro.
    Em Nenhuma Democracia do mundo uma TV, tres Jornal, tres Revistas e uma Radio, juntas manipulam a informação, este é o PIG, o PIG é o quarto poder de nossa Democracia; O Congresso e a Justiça sob seus holofotes figem que o PIG não existe, estes são os poderes constituidos pelo PIG.

  5. enganado Responder

    Como Difamar Aébrio Canabrava das Never? Essa IstoÉ como só lida com roubalheiras do PSDB, aliás sabem de todas as falcatruas da DIREITA, assim como TODOS os repórteres da TV GLOBO, começando pelo Bonner, … , Waack, … , Miriam, …, Monfort, … , Merval, …. são coniventes disto TUDO, Agora para manter seus salários vendem seu CARÁTER, porque não tem cabimento no ID de uma pessoa normal conseguir MENTIR/DIFAMAR/ESCAMOTEAR FATOS/ … o tempo inteiro na vida. Parece ser falta de alguma religiosidade, porque não conheço uma religião que incite você a tais atos que a MÍDIA produz. Enfim, tem putos para tudo neste mundo, o que os diferencia é apenas o banho tomado e perfuminho nos sovacos. Prezado FÓRUM, IstoÉ a ponta do iceberg que a Casa do TERROR=Casa BRANCA envia para essa Mídia Amestrada, chamada de Imprensa-Empresa Anglo-Semita que atua sob este tipo de disfarces até no BRASIL, pois esta é uma de suas mil faces. Tá lá nos “PROTOCOLOS DOS SÁBIOS DO SIÃO” que tudo começará a ser feito através da Imprensa, … chegando nos portões da escolas públicas (leiam e me desmintam). Portanto Sr. FÓRUM estou com vocês e não abro, pois pra começar eu tenho caráter e muito menos medo da verdade. Saudações pela coragem!

  6. Paulo Alfredo Responder

    Excelente matéria de “Isto É”.Eu lia apenas O Cafézinho,DCM,Viomundo,Brasil247.Agora,coloquei essa publicação também nos “Favoritos”.Lamentável a sorte deles,não estão conseguindo repetir aqui o que fizeram na Venezuela!!!

  7. Heitor Responder

    Estamos todos juntos! Força sempre!

  8. Leonidas Mendes Filho Responder

    Caro Renato…

    quando, e se, voce entrevistar o Playboy das Neves, por favor, pergunte-o, em nome deste seu humilde leitor, que assumirá toda a responsabilidade por quaisquer consequencias, se preciso for, se ele conhece a história de um helicóptero de 50 milhões de reais.

    De resto, fica tranquilo, ninguém da menor crédito ao PIG. Como dizia minha avó: “não vale o que o gato enterra!”

    Leo Mendes Filho
    (Parauapebas/PA)

  9. Frédi Responder

    A estratégia é clara. Calar e processar todos na internet. Não basta um exército de 13 mil pessoas contratadas para postar lixo em todos os sites de direita. A questão é que junto com o Aécio vem a irmã dele, acostumada a fazer jogo pesado e calar todos com grana ou chantagem. No Caso da IstoÉ nem deve ter custado tanto.

  10. Nina Responder

    Renato Rovai só não atentou ao fato de que a investigação não é da IstoÉ; é do MPE.
    E qual o interesse da Fórum em ostentar um anúncio da prefeitura de Guarulhos em suas páginas? Isso não foi respondido.
    Para responder, vamos usar a mesma lógica que você usou para invalidar a publicidade do Banco do Brasil no site da IstoÉ?
    O site tem até 6 milhões de page views, correto? Guarulhos não tem nem 1,5 milhão de habitantes. Nem se todos os munícipes de Guarulhos lessem suas páginas, eles não seriam o principal público da Fórum. Então por que a prefeitura de Guarulhos investe tanto em publicidade no site da revista? É de suma importância divulgar serviços da prefeitura? Essa divulgação é eficiente? Existe algum estudo que comprova que a prefeitura não está, nas suas palavras, jogando dinheiro fora?
    Apresentar contratos não prova absolutamente nada.
    E mais: por que as matérias que falam de Aécio Neves aparecem como LINKS PATROCINADOS da página da Fórum no Facebook?

    Ao invés de ficar dizendo como a IstoÉ está em baixa, por que você não respondeu as questões principais da matéria? Veja, seus principais argumentos são: a falta de acentuação no título da matéria e os ataques à IstoÉ. Que vergonha alheia.

  11. Maria Fernanda Honorato Baeta Responder

    Renato está muito estranho essas matérias da Isto É, primeiro no ano passado faz uma entrevista com o Aécio só elogios, depois faz uma matéria contra o PSDB paulista (os metros) e agora contra vocês. Isso está me cheirando mão (bem gorda) mineira na revista.

  12. Marcos Responder

    Parabéns ao pessoal da Fórum!

  13. Paulo Vieira Responder

    Fui direcionado à revista pelo site o Cafezinho. Já fiquei fã. Obrigado Isto é por me apresentar a FÓRUM.

  14. historia0 Responder

    Estranho é sempre o menino de minas, radicado nos botecos da lapa no rio processar quem dele fala… o minino mimado.

  15. Jader Gomes Responder

    Confesso que raramente acessava o site da Forum. Mas prometo que serei mais assíduo de hoje em diante. Quero descobrir o que tanto incomoda a mídia nativa.
    Abraços..


x