“Não serão xingamentos que vão me intimidar”, diz Dilma Rousseff

Durante lançamento da primeira etapa do BRT, em Brasília, presidenta declarou que já sofreu agressões na pele e que tai situações a fortalece

930 16

Durante lançamento da primeira etapa do BRT, em Brasília, presidenta declarou que já sofreu agressões na pele e que tais situações a fortalecem

Por Redação

A presidenta Dilma Rousseff rebateu nesta sexta-feira (13) pela manhã as agressões verbais que sofreu ontem (12) durante o jogo entre Brasil e Croácia, na Arena Corinthians, em São Paulo. O discurso aconteceu em Brasília, onde Rousseff esteve presente para inaugurar a primeira etapa do BRT do Distrito Federal. Em sua fala, Dilma Rousseff declarou que não se deixa “abater por agressões verbais.

“Eu não vou me deixar perturbar por agressões verbais. Não vou me deixar atemorizar por xingamentos que não podem ser sequer escutados pelas crianças e pelas famílias”, disse Dilma.

A presidenta também lembrou que já enfrentou situações piores.”Na minha vida, enfrentei situações que chegaram ao limite físico. Durante a ditadura militar eu suportei não foram agressões verbais, foram agressões físicas. Suportei agressões físicas que são quase insuportáveis. E nada me tirou do meu rumo, nada me tirou dos meus compromissos nem do caminho que tracei para mim mesma. Não serão xingamentos que vão me intimidar e atemorizar. Eu não vou me abater por isso”, declarou Dilma.

“Eu não me abaterei e nem deixarei abater. Podem apostar que isso me fortalece”, finalizou a presidenta.

(Crédito da foto da capa: DTNews)



No artigo

16 comments

  1. Heloisa Grammont Responder

    Essa gente que xinga, fala palavrões, são os mesmos que vemos acariciando carentes na televisão.São espúrias, são agressores verbais,são descartáveis na vida,valem e podem tudo enquanto a globo estiver pagando…Parabéns marionetes da vergonha nacional.

  2. rejanekoliveira@hotmail.com Responder

    Uma vergonha! Não me sinto representada por esse povo mal educado, não consigo ver nada de cidadão e democrático nessas atitudes, porque nem todo o povo age com tamanha crueldade e desrespeito humano, eu faço parte desse povo e portanto nenhum de vocês me representam, porque trago dentro de mim o respeito pelas pessoas independente de partido politico.

  3. Alexandre Barroso Responder

    Quanto a falta de educação perpetrada a presidenta: particularmente não tenho por uso e costume mandar a Dilma ou qualquer outra pessoa tomar sagú ou mandar à ponte que caiu. O que vimos em SP é a norma no país hoje. Uma parcela significativa da população está com saco cheio de tanto roubo, hipocrisia e uma tentativa deslavada de pintar o país com cores que não correspondem à realidade. Diante desse fato, vaiar a “presidenta” virou rotina e lugar comum. Dilma foi vaiada na abertura da Copa das Confederações, no encontro com prefeitos em Belém, pelos moradores do Vale do Aço na “inauguração” das obras na BR 381, em BH, em Uberaba na abertura da Expo Zebu e em tudo o que há de buraco neste país. Ela ficou escondida na tribuna, em uma tentativa melancólica de sua assessoria de blindá-la e pelo que vimos, não deu certo. Essa conversinha de que ela foi vaiada pela elite branca é conversa para boi dormir. Vi vários vídeos, gente que gravou as cenas, de vários ângulos e em vários pontos do estádio. Brancos, amarelos, negros, pardos. A vaia foi maciça. Vergonha não foi a vaia. Vergonha foi o fato de que pela primeira vez na história, vimos um líder de estado acuado em seu próprio país, com medo, sem coragem de encarar seu povo. Hoje em dia, Dilma é vaiada até em festinha de aniversário do neto dela. Portanto, independente dos termos chulos usados, o fato é que Dilma não consegue encarar ninguém neste país que não seja comprado por bolsas ou por ideologia

  4. PABLO HENRIQUE SILVA DOS SANTOS . Responder

    Os pseudos aliados do PT e mesmo o PT sendo melhor governo que esta elite já teve eles não te Aceitam rara …Mas fazer o que má educação com certeza tu paga a conta pra esta gente ingrata e teus antigos aliados o povo tu poem a policia pois estes não tem grana pra te vaiarem no estadio padrão fifa.

  5. Cleusa Responder

    Alexandre, esse é seu ponto de vista, exclusivamente seu ponto de vista. Somente os analfabetos políticos, funcionais e ainda com complexo de vira-latas, pautados pela Globo e cia, que caem nessa sua esparrela. Se estivesse tão bom par ao seu time – com certeza o Arrocho Neves, FHC, o governador Chuchu, entre outros, não estariam com a cara de enterro que se encontravam durante o jogo. É claro que num país democratizado pelo Partido dos Trabalhadores, todos tem voz – até os insanos e anti-brasileiros. Você com certeza com seu discursivo pobre – não me representa e nem me assusta. E viva Dilma 2014!!!!!!!!!!!!

  6. Cleusa Responder

    Corrijo: discursinho pobre..

  7. Padrão ouro Responder

    Cleusa é favorecida pelo governo e ganha alguma bolsa, Alexandre paga impostos… Tirem suas próprias conclusões sobre o que está acontecendo neste pais. E jamais agredirei a presidenta deste pais por um só motivo, somos o único pais do mundo que torce para as vítimas. Portanto ao vaiar a presidenta estamos fortalecendo a máquina de propaganda petista!!!! Pensem nisso!

  8. Maria Estela Responder

    Não sou de ficar dando “trela” para comentários, entretanto ao ler diferentes colocações acerca das vaias à Senhora PresidentE inclusive de que o povo brasileiro é mal educado, não pude deixar de fazer esta postagem que também li na internet…

    “Falta de Educação é Corrupção, Impune, Apadrinhada e Abençoada.
    Falta de Educação é realmente não termos investimentos na Educação.
    Falta de Respeito é gente morrendo em corredores dos hospitais depois de esperarem por meses para serem atendidos…
    Falta de respeito é o que fazem com os nossos Impostos!
    Falta de respeito é a farra com a Verba Pública em hoteis pelo mundo afora!!!
    Falta de Educação é obra super faturada..
    Falta de Educação é mentir em cadeia Nacional subsidiada com o nosso dinheiro bancando cada segundo à peso de ouro.
    Falta de Respeito é deixar o seu povo levar 3 horas para ir 3 horas para voltar todo santo dia para trabalhar…
    Falta de Educação e Respeito foi minha faxineira ir 20 vezes, dormir + 5 dias em porta de escolas para conseguir matricular 2 filhos!
    Falta de Respeito é deficiente físico não ter Mobilidade!
    Falta de Respeito é Mulher parir na porta de hospital e ninguém se importar.
    Falta de Respeito é idoso jogado no chão ou em maca de enfermaria esperando pra morrer por meses.

    Quando me derem Educação e Respeito eu também vou trata-los com toda Educação e Respeito!”
    Melhor seria se TODOS respeitássemos a presidente, o pobre, o branco, negro, o rico, o endividado, o injustiçado enfim… o ser humano e o nosso Brasil!!!

  9. Lucy Responder

    Vai te catar Dona Dilma !!! Ninguém merece sua pessoa mais !!! aiai…aiai…

  10. anjoself Responder

    Tadinha da Dilma, deviam mandar ela tomar no nosso cu pra não ofender

  11. jose justino de souza neto Responder

    Desde quando a Presidenta Dilma ficou acuada, Alexandre? Em seu comentário, você tenta disfarçar o desvio de caráter dos covardes. Trata-se de uma mulher que sofreu meses de torturas físicas e psicológicas quando esteve nos calabouços da ditadura civil-militar. Trata-se de uma mulher que enfrentou altiva o tribunal dos “gorilas” enquanto estes abaixaram as cabeças e esconderam as fuças com as mãos. E você vem fazer esse comentário abestalhado e estúpido com insinuação que a mandatária do país está com medo? Medo do povo??? Que povo? Você pensa que vai enganar a maioria dos leitores daqui? Não fale pelo povo porque eu, por exemplo, não lhe dei autorização para falar por mim. Você também é outro que não tem vergonha em omitir o xingamento e tratar aquela manifestação de perfeita idiotia apenas como vaias. A agressão, Alexandre, DESVELOU a máscara dos moleques endinheirados que posam de bons mocinhos nas telas de tv e nas redes sociais. Estes são os que exigem educação mas demonstram a todo instante que não tiveram a de berço e pouco se importaram com a acadêmica. A professora e filósofa Marilena Chauí tem toda a razão quando apontou as características abomináveis da classe média. Não à toa, éla é A FILÓSOFA e não um mequetrefe asqueroso conhecido nas redes sociais como Olavo, o Parvo, que alimenta com boçalidades o vaso sanitário de muitos daqueles que xingaram a representante do POVO BRASILEIRO (do povo brasileiro, quer você e os boçais que xingaram queiram ou não).

    1. Ddv Responder

      Quem vê pensa que a Dilma eh uma coitadinha mandaram a presitenta tomar naquele lugar mimimimimi petista que não quer parar de mamar na teta … A coitadinha sofreu na ditadura terrorista assaltante roubava bancos o exercito e plantava bombas coitadinhaaaaa aposto que ainda hj tem gente que sofre bem mais em qualquer hospital publico sem condições que temos por aqui, sofrimento e dirigir pelas nossas estradas sofrimento eh suar 5 a 6 meses di ano soh para pagar impostos sofrimento e depender do SUS Sofrimento eh se aposentar nesse país sofrimento eh querer um futuro melhor e encontrar as escolas publicas em pessimas condições com professores mal remunerados e mal preparados sem materiais adquados sem nada que indique um caminho melhor para maioria da população alem de bolsas esmola e tetas para acomodados mamadores habituais onde tudo está bom e o Brasil eh uma maravilha pq eu mamo na teta … Se Dilma tivesse algum carater pediria ela mesma p sair !!!

  12. marcelo Responder

    Estamos todos de saco cheio com o estado atual do país. Não concordamos com o governo atual em certos aspectos, em outros sim. Mas, xingar? Acho que não é de bom tom, é deselegante e passa a imagem de descontrole. Na minha humilde opinião, o silêncio seria o melhor protesto. Imaginemos a seguinte situação: 1. A presidente irá fazer seu pronunciamento de abertura dos jogos… Silêncio total do público presente; 2. Toca o hino nacional… Silêncio total do público; Começa o jogo… os torcedores voltam ao normal e cumprem o papel a que se dispuseram indo ao estádio que é torcer para seu time preferido.

    Seria muito desconcertante, muito impactante e repercutiria muito mais e causaria um efeito muito maior.

  13. Railda Azevedo Responder

    Acho que os brasileiros deram uma demonstração de povo analfabeto. Se há algo a criticar, que o fizessem de forma politizada, inteligente. Mas nunca da forma covarde, inadequada, indelicada, desrespeitosa… como expuzeram nossa representante maior do estado, Dilma Rousseff.

  14. Pedro Alves Correa Responder

    Eu sempre achei que a oposição poderia chegar a estes limites devido o desespero em ganhar as eleições e foi isto que aconteceu, me chega informação que foram distribuídos 20.000 ingressos para pessoas com esse objetivo (de ofender a Presidente) uma mulher que sofreu muito no tempo da Ditadura militar por que tinha um grande Ideal:Mudar o rumo deste país e fez mas a elite não conforma com isso.

  15. Graciete Responder

    Na boa, as pessoas que estavam nos estádios não pronunciaram xingamentos porque estão cansadas de corrupção, porque querem mais educação e saúde. As pessoas que clamam por melhorias no serviço público ficaram do lado de fora do estádio. Se os torcedores 100% brancos que estavam nas arquibancadas do Itaquerão, que em nada representam a população nem a torcida brasileira, estivessem infelizes com o rumo e gastos da Copa Padrão Fifa, não estariam lá pra ver o jogo. Oq se viu não passa de um bando de coxinha, um bando de recalcado.


x