Campanha do Instituto Lula relata histórias de vidas que foram transformadas nos últimos anos

Iniciativa tem por objetivo dar rosto a avanços obtidos por meio dos programas sociais implantados nos últimos doze anos

299 0

Iniciativa tem por objetivo dar rosto a avanços obtidos por meio dos programas sociais implantados nos últimos doze anos

Por Redação

“Posso dizer que sou uma pessoa melhor hoje, por que tenho mais dignidade pra viver. Antes do presidente Lula assumir o poder, sofria com o desemprego, não tinha nem dinheiro para procurar um emprego, pedia carona nos ônibus coletivos, e algumas vezes recebi um não.

Mãe solteira com duas filhas para criar, fiz o cadastro no Bolsa Família (não recebo mais), voltei a estudar, fiz o primeiro Enem do governo Lula, passei e ganhei a bolsa do ProUni. Antes da formatura, fiz um concurso para professora e passei. O salário não era bom, veio a aprovação do Piso Nacional do Magistério e melhorou um pouco.

Minha filha entrou na Universidade Federal de Sergipe (UFS) através do sistema de cotas e está no 5º período de Nutrição. A minha filha mais nova é beneficiada com a bolsa do Educa Mais Brasil. Ainda não tenho casa, moro de aluguel e já tentei conseguir pelo programa Minha Casa, Minha Vida, mas sem sucesso. Porém, só pelo fato de ter saído da casa de minha mãe e ter deixado de dar despesas a ela, por poder pagar meu aluguel, já é uma grande vitória (…).”

Este é o depoimento de Carleide Cruz, de Aracaju (SE), que foi enviado, assim como tantos outros, voluntariamente à campanha “O Brasil que Conquistamos”, ação patrocinada pelo Instituto Lula que tem por objetivo fazer um levantamento das transformações sociais a partir de experiências reais daqueles que foram beneficiados pelas ações do governo federal tais como Minha Casa, Minha Vida (MCMV), ProUni (Programa Universidade Para Todos), Bolsa Família e Ciência Sem Fronteiras.

Além da história de Carleide Cruz é possível ler uma série de outras histórias do Brasil, a campanha também fornece inúmeras informações dos programas acima citados com números atualizados. Outro objetivo da iniciativa é humanizar os avanços e dar rosto a eles. Assim como coloca a chamada da campanha, a ideia é “conhecer” esse Brasil que foi conquistado nos últimos anos.

Para participar da campanha é simples: basta acessar o site e enviar o seu relato de como os programas sociais transformaram a sua vida.

Foto: Partido dos Trabalhadores 



No artigo

x