“A organização partidária tem que mudar radicalmente”, diz Lula; assista

Em vídeo, ex-presidente defende Assembleia Constituinte para reforma política

378 2

Em vídeo, ex-presidente defende Assembleia Constituinte para reforma política

Por Redação

Em uma série de vídeos, o ex-presidente Lula trata das questões que envolvem os jovens e a política. No terceiro vídeo da série, ele comenta a respeito do desencanto com a política. Segundo Lula, não são apenas os jovens que estão desencantados com a política, mas sim a população como um todo.

“A política está apodrecida aqui no Brasil e em várias partes do mundo, há uma rejeição e negação à política… Em várias partes do mundo cresceram as fragilidades das lideranças e já tem a mesma representatividade e a política aparece na televisão como se fosse algo ruim”, analisa Lula.

Em outro momento, Lula defende diz que a maneira como os partidos políticos se organizam precisa ser alterada “radicalmente”. “É por isso que nós do PT lançamos uma campanha que tem por objetivo criar um Projeto de Lei de iniciativa popular… Por isso nós vamos pra porta de fábrica, vamos aproveitar a campanha pra ir no comércio pra pegar assinaturas pra dar entrada num PL que possa mudar substancialmente a política brasileira”, disse.



No artigo

2 comments

  1. PAULO NEVES Responder

    Concordo com o Plebiscito e estou ajudando na sua organização, acredito que precisamos de uma Reforma Politica, poré não acho que deva ocorrer uma “mudança radical” não achao que devemos criar a roda de novo, temos que corrigir alguns pontos, visto que o nosso sitema eleitoral não é tão ruim como estão pregando.
    Um dos pontos é o financiamento publico de campanha, sou a favor, mas para isso esse finaciamento dever ser mais democarático, o ESTADO não pode financiar mais um partido do que outro por que ai deixar de ser um processo democratico.
    Sou a favor que se acabe com as coligações ou que as mesmas só possam ser feitas por no máximo 3 partidos, e essa coligação seja de ambito nacional, pois não podemos mais aceitar O PT por exemplo se rival do Psdb na esfera federal e nos Estado e Municipios andarem juntos, a ideia, a ideologia o programa do partido é ums só.

  2. PAULO NEVES Responder

    Outra questão que acho que deve mudar é o tempo do mandato dos senadores, não existe justificativa para ele ser de 8 anos, tem que ser igual aos outros cargos.
    Destaco também a necessidade de ser acabar com a reeleição por tempo indetrminado como acontece nas camãras dos Deputados, Senado, camâra de vereadores, onde estes se perpetuam no poder por 15,20,50 anos, acho que eles devem poder se candidatar a releição uma unica vez como acontece com o presidente e governador, além de que deve se aprovar que esse ex parlamentares caso derrota não possam ocupar cargos no executivo e nem no legislativo por pelo menos 4 anos.

    Necessitamos também rever o tempo de propaganda dos partidos na televisão e no rádio, novamente para que a eleição seja demmocartica, do jeito que funciona hoje isso não acontece.


x