Mostra reúne filmes sobre direitos humanos

Produções abordam temas como segurança pública, homofobia e combate à tortura

687 0

Produções abordam temas como segurança pública, homofobia e combate à tortura

Por Redação

A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR) divulgou, nesta sexta-feira (15), a relação de produções audiovisuais selecionadas para participar da 9ª Mostra Cinema e Direitos Humanos no Hemisfério Sul. De um total de 239 inscritas, foram escolhidas 25 obras, que irão percorrer todas as capitais do país entre os dias 3 de novembro e 14 de dezembro de 2014. O evento é destinado a filmes realizados em países sul-americanos e africanos, que tenham caráter relativo aos Direitos Humanos.

Nesta edição, foram selecionados trabalhos com os seguintes temas: Direitos das pessoas com deficiência; População LGBT/enfrentamento da homofobia; Memória e verdade; Crianças, adolescentes e juventude; Pessoas idosas; População negra; População em situação de rua; Mulheres; População indígena; Direitos Humanos e segurança pública; Proteção aos defensores de Direitos Humanos; Direito à participação política; Combate à tortura; Situação prisional; e Democracia e Direitos Humanos.

No ano passado, quase 30 mil pessoas assistiram à mostra. Além da divulgação, serão oferecidos prêmios em dinheiro. Escolhido a partir da votação do público, o Prêmio Aquisição – da TV BRASIL – oferecerá R$ 30 mil para o melhor longa-metragem, R$ 14 mil para o melhor média-metragem e R$ 8 mil para o melhor curta.

Confira abaixo os filmes selecionados para a mostra competitiva de 2014:

1. 6 Cups of Chai, de Laila Khan, Índia, 7’
2. A Morte de Jaime Roldós, de Lisandra I. Rivera, Manolo Sarmiento, Equador/Argentina, 125’
3. A Vizinhança do Tigre, Affonso Uchoa, Brasil, 95’
4. Ameaçados, de Júlia Mariano, Brasil, 22’
5. As Crianças de Chocó, de Rolando Vargas, Colômbia, 24’
6. Cesó la Horrible Noche, de Ricardo Restrepo, Colômbia, 25’
7. Galus Galus, de Clarissa Duque, Venezuela, 12’
8. Growing, de Tariq Rimawi, Jordânia, 5’
9. Hoje Eu Quero Voltar Sozinho, Daniel Ribeiro, Brasil 96’
10. La Jaula de Oro, de Diego Quemada-Diez, México, 108’
11. Jessy, de Paula Lice, Rodrigo Luna e Ronei Jorge, Brasil, 15’
12. Mataram meu Irmão, de Cristiano Burlan, Brasil, 77’
13. O Mercado de Notícias, de Jorge Furtado, Brasil, 94’
14. Meu Amigo Nietzsche, de Fáuston da Silva, Brasil, 15’
15. Mohamed Mahmoud… Herald dos Revolucionários, de Ines Marzouk, Egito, 11’
16. Polinter, de Dafne Capella, Brasil, 56’
17. Praia do Futuro, Karim Aïnouz, Brasil, 106’
18. Quilombo da Família Silva, de Sérgio Valentim, Brasil, 15’
19. Requília, de Renata Diniz, Brasil, 15’53”
20. Rio Cigano, de Júlia Zakia, Brasil, 80’
21. Sanã, de Marcos Pimentel, Brasil, 18’
22. Sophia, de Kennel Rógis, Brasil, 15’
23. Tejo Mar, de Benard Lessa,Brasil, 20’
24. Tomou Café e Esperou, de Emiliano Cunha, Brasil, 12’
25. Yvy Maraey, Las Tierras Sin Mal, Juan Carlos Valdívia, Bolívia, 105’

A 9ª Mostra Cinema e Direitos Humanos no Hemisfério Sul é uma parceria entre a SDH, o Ministério da Cultura e a Universidade Federal Fluminense. Mais informações pelo site www.mostracdh.uff.br.

Foto de capa: Facebook/Reprodução 



No artigo

x