Entenda como joga o Cruzeiro, líder isolado do Campeonato Brasileiro

O Cruzeiro apresenta, em 2014, o mesmo esquema tático de 2013, ou seja, o 4-2-3-1. As diferenças entre 2013 e 2014 ficam com os atletas...

1702 0

Cruzeiro-Goias-jpg

O Cruzeiro apresenta, em 2014, o mesmo esquema tático de 2013, ou seja, o 4-2-3-1. As diferenças entre 2013 e 2014 ficam com os atletas utilizados pelo técnico Marcelo Oliveira. Os volantes de 2014 são mais técnicos que os de 2013. Na verdade, Henrique é mais técnico que Nilton e Lucas Silva está mais experiente e tecnicamente melhor que em 2013.

Mas o 4-2-3-1 é um esquema utilizado por diversas equipes e, nem por isso, elas conseguem apresentar um futebol como o do Cruzeiro. O esquema não define, exatamente, como a equipe vai jogar. O 4-2-3-1 é o 4-5-1 repaginado. O técnico Marcelo Oliveira optou por colocar atacantes e/ou meias atacantes pelos lados na linha de três e os orienta a marcar laterais e meias.

O dinamismo do ataque do Cruzeiro é fruto, principalmente, da dedicação e da técnica de Ricardo Goulart e Éverton Ribeiro, os dois principais jogadores da equipe. Além disso, as bolas paradas são um ponto forte da equipe, tanto defensiva quanto ofensivamente. Neste quesito, os zagueiros têm participação fundamental também no ataque.

A marcação pressão exercida pelo time também tem que ser destacada. O Cruzeiro começa a marcação no campo adversário, com o centroavante Marcelo Moreno. Os meias atacantes e volantes jogam muito próximos e roubam muitas bolas na intermediária, favorecendo o contra-ataque em velocidade. Quando o time está sendo atacado, geralmente Éverton Ribeiro e Ricardo Goulart ficam na intermediária defensiva para puxar os contra-golpes.



No artigo

x