38% dos paulistas já sofreram corte no abastecimento de água

Segundo pesquisa Ibope, 38% dos eleitores de São Paulo disseram que sofreram corte de água em suas casas nos últimos três meses. O índice sobe para 50% na capital e 55% nos municípios da região metropolitana.

1122 0

Pesquisa Ibope, encomendada pelo jornal O Estado de S. Paulo e Rede Globo, mostra que as interrupções no abastecimento de água já são realidade para parte considerável dos paulistas. Segundo o levantamento, realizado entre sábado (30) e segunda (1), 38% dos eleitores do estado disseram que sofreram corte de água em suas casas nos últimos três meses. Ainda de acordo com o Ibope, o índice sobe para 50% na capital e 55% nos municípios da região metropolitana.

Apesar da pesquisa, a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico de São Paulo) diz que não há racionamento. A empresa afirma que o Sistema Cantareira, que abastece quase 9 milhões de clientes, sofre com a pior seca das últimas oito décadas. Especialistas apontam que, além da questão climática, a crise de falta d’água no estado expõe falta de planejamento do governo.

O Ibope, no entanto, mostra que a crise praticamente não afeta a eleição, já que o atual governador e candidato à reeleição, Geraldo Alckmin (PSDB), aparece com 41% das intenções de voto entre quem teve o abastecimento interrompido pelo menos uma vez desde junho, contra 52% entre quem não ficou sem água nenhuma vez nos últimos três meses.

(Foto: Agência Brasil)



No artigo

x