Pesquisa Datafolha – Dilma amplia vantagem sobre Marina: 37% a 30%

Em segundo turno, diferença a favor da candidata do PSB, que chegou a ser de dez pontos no final de agosto, agora é de dois, configurando empate técnico

488 0

Em segundo turno, diferença a favor da candidata do PSB, que chegou a ser de dez pontos no final de agosto, agora é de dois, configurando empate técnico

Por Redação

O Instituto Datafolha divulgou, na madrugada desta sexta-feira (19), nova pesquisa de intenção de voto sobre a corrida presidencial. Nela, a candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff, aparece à frente dos adversários, com 37%, seguida por Marina Silva (PSB), com 30%, e Aécio Neves, que tem 17%. Luciana Genro (Psol), Eduardo Jorge (PV) e Pastor Everaldo (PSC) têm 1% cada, e os demais presidenciáveis não pontuaram. Brancos e nulos são 6%, e indecisos, 7%.

Em relação à última pesquisa, realizada nos dias 8 e 9 de setembro, Dilma e Aécio oscilaram positivamente dentro da margem de erro, 1 e 2 pontos cada um, enquanto Marina caiu três pontos percentuais. A rejeição à candidata do PSB também aumentou, e nesse quesito ela aparece pela primeira vez à frente de Aécio Neves: 22% a 21%. A presidenta tem 33%.

Na simulação de um confronto entre Dilma e Marina na reta final, elas aparecem em situação de empate técnico, com 46 e 44 pontos, respectivamente. Se o segundo turno ocorresse entre Dilma e Aécio, a petista teria 49 pontos, e o tucano, 39.

Votos por regiões

Das cinco regiões geográficas do país, Dilma lidera em quatro, sendo que sua maior vantagem acontece no Norte, onde lidera com 49%, vindo na sequência Marina, com 28%, e Aécio, 9%. Cenário similar ocorre no Nordeste, onde a candidata à reeleição tem 49%, Marina conta com 32%, e Aécio, 8%.

A presidenta está à frente com folga no Sul, com 35% das intenções de voto contra 25% da ex-senadora e 22% do tucano. No Centro-Oeste, volta a estar à frente de Marina, com vantagem apertada (32% a 31%), e Aécio tem 23%. A região Sudeste tem a candidata do PSB na dianteira, com 32%, Dilma tem 28% e Aécio, 20%.

A avaliação do governo permanece praticamente estável em relação à última sondagem, com 37% de ótimo/bom, 38% de regular e 24% de ruim/péssimo.

A pesquisa foi encomendada pelo jornal Folha de S. Paulo e pela TV Globo. Para realizá-la, o Datafolha ouviu 5.340 mil eleitores em 265 municípios entre os dias 17 e 18. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%.



No artigo

x