Depois de declarações homofóbicas, OAB pede cassação da candidatura de Fidelix

Ministério Público começa a receber representações contra o candidato. Nas redes sociais, grupos se reúnem para formalizar denúncias na Ouvidoria nacional de Direitos Humanos do governo federal.

430 1

Ministério Público começa a receber representações contra o candidato. Nas redes sociais, grupos se reúnem para formalizar denúncias na Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos do governo federal

Por Redação

A Comissão Especial da Diversidade Sexual do Conselho Federal da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) vai solicitar ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a cassação da candidatura de Levy Fidelix (PRTB) à presidência da República. A Comissão irá pedir também o direito de resposta às declarações homofóbicas dadas pelo candidato durante debate ocorrido na TV Record na noite de domingo (28).

O deputado Renato Simões (PT-SP) fez uma representação contra o candidato junto à Procuradoria Regional Eleitoral do Ministério Público Federal. A mesma iniciativa foi tomada pelos candidatos à presidência Eduardo Jorge (PV) e Luciana Genro (PSOL) e também pelo deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ). No Facebook, um grupo formado por mais de 6 mil pessoas está coletando dados pessoais para formalizar uma denúncia coletiva à Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos do governo federal.

Durante o debate na TV Record, em resposta ao questionamento de Luciana Genro sobre casamento homoafetivo, Fidelix deixou claro o seu posicionamento, reforçando ideias preconceituosas. “O Brasil tem 200 milhões de habitantes, daqui a pouquinho vai reduzir para 100 [milhões]. Vai para a avenida Paulista, anda lá e vê. É feio o negócio, né? Então, gente, vamos ter coragem, nós somos maioria, vamos enfrentar essa minoria. Vamos enfrentá-los. O mais importante, é que esses que têm esses problemas realmente sejam atendidos no plano psicológico e afetivo, mas bem longe da gente, bem longe mesmo porque aqui não dá”, disse. Na mesma intervenção, proferiu a frase que viralizou na internet: “Aparelho excretor não reproduz”.

Foto de capa: Divulgação

Assista ao vídeo abaixo:



No artigo

1 comment

  1. Valquíria Responder

    A evolução de um país e a grandeza de seu povo fica patente quando tem respeitada a sua pluralidade e sua diversidade absorvida e aceita . Agora , como um candidato à Presidência da República , um indivíduo que quer se fazer representante de todo um povo , com uma retórica antiquada , prosaica , com um intelectual limitado e inteligência inelástica , quando deixa evidente , nítida , a sua incompreensão de um assunto tão quotidiano ? Que dirá questões mais complexas nas relações internas ? E internacionais , então ? Por favor , selecionem candidatos mais capazes ! É possível fazer melhor , não merecemos tanto escárnio de uma só vez .


x