Governo Dilma mantém maioria no Senado

Base governista conta com 58 senadores; PSB declarou que vai integrar grupo independente

904 0

Base governista conta com 58 senadores; PSB declarou que vai integrar grupo independente

Por Redação

O governo Dilma vai contar com uma base de apoio de 58 senadores, composto pelos partidos PMDB, PT, PDT, PCdoB, PRB, PP, PSD e PTB. O bloco de sustentação representa uma ampla maioria dentro de um total de 81 senadores.

Alguns partidos ainda são uma incógnita no que diz respeito a apoiar ou não o governo. Entre eles, o PSC, que, apesar de integrar a base governista, lançou candidato à presidência da República (Pastor Everaldo) e, no segundo turno, apoiou Aécio Neves. A sigla conta com um senador, Eduardo Amorim (SE).

O PSB, que na corrida presidencial teve Eduardo Campos (morto em acidente aéreo) e Marina Silva como candidatos ao Palácio do Planalto, já declarou independência. A sigla socialista é a quarta maior bancada do Senado. A sigla manteve Lídice da Mata (BA), João Capiberibe (AP) e Antônio Carlos Valadares (SE) e elegeu mais três parlamentares: Roberto Rocha (MA), Romário (RJ) e Fernando Bezerra (PE).

Do lado da oposição, o PSDB perdeu duas cadeiras e o DEM ganhou uma. Com o início da nova legislatura serão 11 e 5 senadores, respectivamente. PT e PMDB perderam um senador cada e ficaram com 13 e 18, respectivamente.

Foto de Capa: Roberto Stuckert Filho/PR



No artigo

x