Dilma sancionará Lei dos Caminhoneiros nesta segunda-feira

A sanção faz parte do acordo entre o Governo Federal e representantes dos caminhoneiros como forma de pôr fim à paralisação; protestos pelas rodovias do país já diminuíram consideravelmente.

509 0

A sanção faz parte do acordo entre o Governo Federal e representantes dos caminhoneiros como forma de pôr fim à paralisação; protestos pelas rodovias do país já diminuíram consideravelmente 

Por Redação 

Motivada pela liberação da maior parte das rodovias e um gradual fim dos protestos, a presidenta Dilma Rousseff deve sancionar nesta segunda-feira (2) a Lei dos Caminhoneiros, como forma de estabelecer um acordo definitivo com a categoria. A informação é da Secretaria-Geral da Presidência.

A sanção, que deve ser feita sem vetos, faz parte do conjunto de propostas do governo apresentadas aos caminhoneiros no último dia 26. A lei garante a isenção, para caminhões vazios, em pedágios para eixo suspenso; ampliação dos pontos de parada e repouso; e perdão das multas por excesso de peso aplicadas nos últimos dois anos. Além disso, o governo vai prorrogar em 12 meses o pagamento de caminhões por meio do Programa Procaminhoneiro.

Em nota, a Secretaria ressaltou a “diminuição do movimento” e reitera o compromisso com as propostas anunciadas.

As manifestações começaram há duas semanas. A categoria pede redução do preço do combustível e aumento do valor do frete.

Foto: Jornal Cidades/Fotos Públicas 



No artigo

x