Babilônia: tem beijo gay, mas também vai ter homofobia

Cena protagonizada entre Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg é comemorada nas redes sociais; assista

1189 0

Cena protagonizada entre Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg é comemorada nas redes sociais

Por Redação

O primeiro capítulo da nova novela da Rede Globo, Babilônia, trouxe um beijo gay. O fato pode ser considerado um avanço, já que os folhetins que também o fizeram antes demoraram centenas de capítulos. Será que beijo gay em cadeia nacional de TV já é finalmente encarado com naturalidade?  Tomara.

Nas redes sociais muita gente comemorou. “O choro é livre, reacionários e fundamentalistas e fascistas e homofóbicos. Eu vivi pra ver! Parabéns”, disse o deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ). “Beijo gay no primeiro capítulo. Um beijo entre duas mulheres mais velhas, interpretadas por duas grandes atrizes. ‘Babilônia’ começa bem.”

A cantora Marina Lima também mandou um recado a um dos parlamentares mais conhecidos por suas posições homofóbicas: “Chupa Bolsonaro! Chupa preconceituosos! Amo muito tudo isso! Viva a liberdade!”

As atrizes Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg protagonizaram o selinho. Elas interpretam duas mulheres casadas há 35 anos. “A gente vai mostrar uma relação muito legal, é natural que tenha beijo. O público está totalmente pronto pra isso”, disse Ricardo Linhares, que junto com Gilberto Braga e João Ximenes Braga, escreve a trama. Além do casal, a novela terá mais gays, caso dos personagens de Marcello Melo Jr. e Marcos Pasquim.

A triste notícia é que também vai ter preconceito e homofobia na novela. “Vai ter gay na novela nova. Vai ter gay, muito gay. Mas relaxa, também vai ter muito imbecil retrógrado homofóbico. Sorria, você vai se sentir representado”, afirmou João Ximenes Braga à revista Época.



No artigo

x