Dilma é contra a redução da maioridade penal

Mensagens com a hashtag #NãoÀReduçãoDaMaioridadePenal foram postadas nas redes sociais da presidenta.

409 0

Mensagens com a hashtag #NãoÀReduçãoDaMaioridadePenal foram postadas nas redes sociais da presidenta 

Por Redação

A presidenta Dilma Rousseff (PT) decidiu se colocar publicamente contrária à redução da maioridade penal de 18 para 16 anos, objeto central do PL 171/93, que na última semana foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) da Câmara dos Deputados.

Na terça-feira (7), mensagens com a hashtag #NãoÀReduçãoDaMaioridadePenal foram postadas em sua página oficial no Facebook. “Não é solução: Os adolescentes não são responsáveis por grande parte da violência praticada no País. Os atos infracionais cometidos por eles não chegam a 10% do total dos crimes praticados no Brasil há décadas”, diz uma delas. Outra traz uma entrevista de dom Leonardo Ulrich Steiner, bispo auxiliar de Brasília (DF) e secretário geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), criticando o projeto de lei em questão.

De acordo com matéria do jornal Folha de S. Paulo, Dilma tomou a decisão de se posicionar após reunião com seu conselho político no dia 30. Na ocasião, os ministros José Eduardo Cardozo (Justiça), Jaques Wagner (Defesa), Edinho Silva (Secretaria de Comunicação Social) e Eliseu Padilha (Aviação Civil) teriam afirmado que a presidenta precisa fazer um aceno à esquerda para sua base.

(Reprodução/Facebook)
(Reprodução/Facebook)

NÃO É SOLUÇÃOOs adolescentes não são responsáveis por grande parte da violência praticada no País. Os atos…

Posted by Dilma Rousseff on Lunes, 6 de abril de 2015

(Foto: Roberto Stuckert Filho/PR)



No artigo

x