Demitido da Jovem Pan, Claudio Carsughi critica guinada à direita da rádio

Após mais de 50 anos na emissora, o jornalista lamentou a mudança de perfil da emissora: “Hoje tem uma posição frontalmente contrária ao PT, à Dilma, ao Lula. Talvez com isso espere o retorno publicitário com empresas do mesmo perfil”

2000 0

Após mais de 50 anos na emissora, o jornalista lamentou a mudança de perfil da emissora: “Hoje tem uma posição frontalmente contrária ao PT, à Dilma, ao Lula. Talvez com isso espere o retorno publicitário com empresas do mesmo perfil”

Por Guilherme Franco 

Um dos mais veteranos jornalistas esportivos do Brasil em atividade, Claudio Carsughi, 82, foi demitido pela Rádio Jovem Pan nesta segunda-feira (14). Ele trabalhava no veículo desde 1957 como comentarista esportivo. A emissora alegou corte de gastos.

Carsughi deu a notícia nas suas páginas pessoais, tanto no Twitter como no Facebook, e associou a sua saída à nova ideologia política da emissora. “A rádio está passando por uma mudança de perfil. Ela assumiu uma postura de direita, que nunca tinha tido. Sempre se ouvia os dois lados. Hoje tem uma posição frontalmente contrária ao PT, à Dilma, ao Lula. Talvez com isso espere o retorno publicitário com empresas do mesmo perfil”, disse ao UOL.

 

claudio

Contrariado, ele não concordou com a decisão. “São contingências da vida. Falam em redução de custos. Mas isso é relativo. Eu não tinha um ordenado nababesco. Para o orçamento da rádio não deve fazer muita diferença”, completou.

Claudio Carsughi nasceu na cidade italiana de Arezzo, em 13 de outubro de 1932. Engenheiro formado, trabalhou entre 1957 e 13 de abril de 2015 na Rádio Jovem Pan, dia em que foi demitido pela emissora paulistana. Carsughi sempre foi conhecido pelos seus comentários precisos na área esportiva, em especial o futebol e o automobilismo.

Foto: Reprodução Youtube Sportv



No artigo

x