Policiais envolvidos na morte de jovem negro em Baltimore responderão por assassinato

Promotora diz que policiais recusaram atendimento médico a Freddie Gray, 25 anos, que sofreu lesão na coluna vertebral por viajar algemado e sem cinto de segurança na viatura

445 0

Promotora diz que policiais recusaram atendimento médico a Freddie Gray, 25 anos, que sofreu lesão na coluna vertebral por viajar algemado e sem cinto de segurança na viatura

Por Opera Mundi 

Seis oficiais da polícia de Baltimore responderão criminalmente pelo assassinato de Freddie Gray, homem negro de 25 anos cuja morte tem motivado novos protestos contra a violência policial e o racismo institucional nos Estados Unidos.

Marilyn Mosby, promotora de Baltimore, declarou nessa sexta-feira (01/05) que Gray, detido em 12 de abril, morreu devido a uma grave lesão na coluna vertebral por ter viajado com as mãos e os pés algemados e sem cinto de segurança na viatura policial. Mosby disse também que os policiais recusaram atendimento médico a Gray, mesmo depois de ele ter pedido socorro aos oficiais em pelo menos duas ocasiões.

Segundo a promotora, os mandados de prisão dos policiais envolvidos no caso já foram emitidos. Além das acusações por homicídio doloso e homicídio qualificado, eles responderão por agressão, má conduta e por terem detido Gray sob alegações falsas.

Câmeras nos uniformes

Também nesta sexta-feira, o Departamento de Justiça dos EUA anunciou que vai repassar 20 milhões de dólares para departamentos de polícia em todo o país para a compra de câmeras individuais a serem acopladas ao uniforme dos oficiais.

Os repasses foram aprovados pelo Congresso norte-americano e são a primeira parte da verba de 75 milhões de dólares para um programa de financiamento da instalação do equipamento, requisitado em dezembro do ano passado pelo presidente Barack Obama.

De acordo com a agência de notícias Reuters, tem crescido entre a população dos EUA a exigência das câmeras, que são instaladas nos uniformes dos policiais e registram a atuação dos agentes. A exigência tem aumentado após a série de mortes de pessoas negras nas mãos de policiais no último ano, que também tem motivado vários protestos em diversas cidades do país.



No artigo

x